Além de abordar pandemia, Sob Pressão terá morte de personagem importante em nova temporada

Drica Moraes
Drica Moraes segue no elenco das próximas temporadas de Sob Pressão (Imagem: Divulgação/Globo)

Quando a série Sob Pressão voltar à tela da Globo, uma coisa é certa: um dos personagens principais vai morrer, possivelmente um médico, e quem contou isso foi o roteirista Lucas Paraízo em uma entrevista concedida ao site americano da revista Variety. O drama médico brasileiro, tem uma missão importante de agora em diante, colocar em foco o novo coronavírus, algo que foi anunciado pela produção logo que a pandemia surgiu no início do ano.

Pautado na difícil realidade da saúde pública, o programa vai mostrar todas as dificuldades atuais para se conter a doença, num momento em que a população está à flor da pele, e as principais autoridades políticas não levam a sério a pandemia. “Um dos personagens principais vai morrer, mas ainda não decidimos qual deles”, falou o roteirista.

Paraízo disse ainda que quer deixar a sensação de esperança durante a quarta temporada, afinal a série não apenar joga os problemas na cara do telespectador, mas busca discutir possíveis soluções, mesmo que a longo prazo. “Não se trata apenas de medidas de alívio do governo, mas de uma transformação social, de mudar a maneira como vivemos na sociedade. Ao invés de eu pensar em mim e você pensar em você, por que não podemos pensar em nós? E pensar ainda ‘o que posso mudar?’’.

Durante o bate-papo, ele ainda explicou sobre a decisão de ‘matar’ um personagem importante: “Precisamos mostrar como a tragédia chega aos médicos, porque também está acontecendo muito no Brasil. O que falta hoje são profissionais na linha de frente. Temos que falar sobre a necessidade de formar e educar mais médicos, para criar mais boas escolas de medicina. Bolsonaro expulsou muitos médicos cubanos há cerca de um ano. Agora precisamos deles de volta”, disse o roteirista que relatou não estar conseguindo conversar com Márcio Maranhão, um dos consultores da série, pelo fato de ele trabalhar em um hospital, e isso impossibilitar seu tempo, devido ao caos no serviço de saúde. Existe a possibilidade de que a personagem morta seja Vera, de Drica Moraes, que estará atuando na linha de frente diante da pandemia.