Amazon revela projeto de spin-off de The Boys; Saiba mais

Segunda temporada de The Boys
The Boys (Reprodução)

A Amazon já iniciou os preparativos para uma série derivada de The Boys que deve expandir o universo da produção. O projeto, que ainda não possui um título, será focado numa “universidade para super-heróis”.  De acordo com o site da revista Variety, a empresa tomou a decisão após comemorar os números de estreia da segunda temporada da série criada por Erick Kripke. 

Sucesso consolidado, a estreia do segundo ano da produção focada em um time de super-heróis desajustados, converteu-se no maior lançamento do Prime Vídeo, até agora. Notícia essa que animou os executivos a irem mais longe.  A Variety afirma que a série será desenvolvida tendo em mente o público adulto, e deve colocar os personagens no limite de suas capacidades morais, físicos e sexuais. 

Erick Kripke deve participar da produção do spin-off atuando como produtor executivo. Além disso, uma nova leva de episódios para “The Boys” já foi anunciada e deve contar a participação de um colega de Kripke dos tempos de Supernatural; Jensen Ackles, o Dean Winchester. 

Cena picante

Por falar em The Boys, uma cena exibida no quinta episódio da segunda temporada da série deu o que falar por mostrar os então rivais Tempesta (Aya Cash) e Capitão Pátria (Antony Starr) se entregando a atração física. O showrunner da série Erick Kripke comentou que uma cena de sexo assim era um desejo antigo.

“Quero dizer, uma vez que conhecemos a história e a reviravolta que, em última análise, Tempesta e Pátria iriam acabar juntos, essa sempre foi uma grande cena de sustentação que iríamos buscar. Então, não, estávamos ansiosos para conseguir fazer isso”, iniciou ele ao site Collider.

“Foi muito complicado, porque você vem com coisas na sala dos roteiristas, mas no final do dia, ainda é uma cena de amor, então os atores têm que colaborar no que querem fazer e ter certeza de que estão confortáveis. E então, além disso, você está fazendo todas as complexidades de bloquear a cena de amor com dublês dizendo, ‘Ok, podemos conectar ela e puxá-la em uma roldana no ar aqui’. Tem tudo isso. Então, quase tudo foi descoberto. Eu estava lá, Phil Sgriccia, o diretor de produção, estava lá, os atores e os dublês. E éramos nós realmente trabalhando no set e dizendo: ‘Bem, podemos esmagá-los aqui, e podemos jogá-los ali, e podemos levantá-los lá do outro lado. E pessoal, o que vocês acham? E então Aya e Antony estavam também dando ideias”, acrescentou.

Amante das diversas formas de expressão cultural. Viciado em séries, e sempre por dentro das últimas novidades do cinema. Ama dramas e sempre tenta dar uma oportunidade para as fantasias, distopias e os longas de ação e terror.