Amigo de Amber Heard e Johnny Depp declara que ele queria impedi-la de fazer certas cenas

Amber Heard durante participação no The Late Late Show
Amber Heard durante participação no The Late Late Show (Reprodução/ Youtube)

Em mais um dia de julgamento do processo de difamação movido por Johnny Depp contra o jornal The Sun, Joshua Drew, ex-marido de uma amiga de Amber Heard, chamada Raquel ‘Rocky’ Pennington enviou ao tribunal um documento escrito, dizendo que o comportamento do ator era realmente nocivo. “Pelas nossas interações, entendi que Johnny era muito ciumento”, escreveu ele na declaração ao afirmar que passou a ir morar no prédio em que Heard e Depp moravam, segundo o site Daily Mail.

Ele relatou que pelo que a esposa contava, de conversas que ela tinha com Amber Heard, a loira dizia que o marido tinha ciúme muito forte sobretudo quando o assunto era James Franco. “O nome [de Franco] vinha à tona frequentemente, e causava brigas entre eles. Rocky me disse, baseado em suas conversas com Amber, que Johnny tinha um problema particular com James Franco porque ele e Amber tinham feito algumas cenas íntimas em um projeto que estavam filmando, o que Johnny não queria que ela fizesse”.

O homem ainda contou que uma vez na França ouviu quando os dois iniciaram uma briga, e que Johnny gritava sobre um papel com cena de nudez que ela tinha feito, em que ele a acusou de saber, mas não contar para ele. “Pelo que havia sido discutido com Rocky e Amber, Johnny havia pedido para a Amber parar de fazer cenas de nudez nos filmes delas e cortar cenas íntimas com outros atores. Rocky me falou sobre as várias brigas que eles tiveram ao longo dos anos”.

Drew e a então esposa arrombaram a porta para tirar Heard de lá até que Johnny saísse do prédio, e quando os seguranças do astro de Piratas do Caribe voltaram para buscar seu telefone, perguntaram se a atriz estava bem, no que ele respondeu: “Você está brincando comigo? Ele bateu nela e vocês ficaram parados assistindo”, até que eles começaram a discutir fortemente. Na ocasião, a polícia local foi chamada, e chegou 15 minutos depois vistoriando todo o apartamento.

ankara escort