Anya Taylor-Joy estrela o trailer de O Gambito da Rainha, série da Netflix

Anya Taylor-Joy estrela The Queen’s Gambit (Imagem: Divulgação/ Netflix)

Conhecida por produções como “Os Novos Mutantes”, “Fragmentado”, “Emma” e “Peaky Blinders”, Anya Taylor-Joy estrela O Gambito da Rainha (The Queen’s Gambit). Nesta quinta-feira, 24 de setembro, a Netflix divulgou o trailer completo da série de drama, que é baseada no romance de Walter Tevis, de 1983. Dirigida e escrita por Scott Frank (‘Logan’, ‘Godless’), a produção gira em torno da história de uma órfã e prodígio do xadrez, que desafia todas as probabilidades e sobe na hierarquia dos jogos de tabuleiro, dominados por homens da elite.

Confira:

Ambientada durante a Guerra Fria, a série limitada contará com sete episódios. A trama gira em torno de Beth Harmon (Taylor-Joy), uma jovem prodígio do xadrez, que foi abandonada em um orfanato em Kentucky (EUA), no final da década de 1950, quando ainda era criança. Ao mesmo tempo em que lida com o isolamento e a nova vida, a garota aprimora suas habilidades e acaba desenvolvendo um vício em tranquilizantes, que o estado usa para sedá-la. Segundo a sinopse oficial, a série narrará a história de Beth dos oito aos vinte e dois anos., mostrando a sua jornada até se tornar uma das maiores jogadoras de xadrez do mundo, em um ambiente dominado por homens da elite.

Além de Anya Taylor-Joy, o drama também conta com Thomas Brodie-Sangster (Maze Runner) como Benny, um prodígio arrogante que se torna o maior rival da protagonista, Bill Camp (The Night Of) como um zelador que apresenta o jogo para Beth, Marielle Heller (diretora de Um Lindo Dia na Vizinhança) no papel da solitária dona de casa Sra. Alma, que acolhe Beth, Harry Melling (Harry Potter) como Harry Beltik, Chloe Pirrie (Shell) como Alice Harmon, Moses Ingram como Jolene e Annabeth Kelly como a protagonista quando criança.

O Gambito da Rainha tem estreia marcada para 23 de outubro na Netflix.

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), apaixonada por literatura, cartas e pela magia do cinema. Escritora de histórias e trajetos dos amores.