Ascensão Skywalker: Oscar Isaac comenta sobre possível romance entre Finn e Poe

Finn e Poe Dameron (Divulgação)

A Ascensão Skywalker finalmente chegou aos cinemas no último dia 19 de dezembro, trazendo o capítulo final de uma saga que se estendeu por décadas. Infelizmente, um dos elementos mais interessantes na nova trilogia – o relacionamento entre os personagens Finn e Poe – não foi explorado da forma como vários fãs gostariam.

Desde a estreia de O Despertar da Força, os atores John Boyega e Oscar Isaac têm sido questionados sobre a real natureza da ligação entre os seus personagens, e ambos os atores assumiram publicamente que um romance poderia ser desenvolvido. A discussão continuou em Os Últimos Jedi, e agora no terceiro filme para a tristeza de muitos, a relação permaneceu na amizade.

Oscar, principalmente, sempre foi bastante vocal sobre fazer parte de uma possível representação LGBTQ+ na franquia, e em recente entrevista ao IGN ele voltou a mostrar sua decepção com a decisão da Disney. “Eu acho que teria sido uma história de amor bem interessante, algo futurista – nem isso, algo do presente -, que ainda não havia sido explorado.”

E ainda: “Particularmente a dinâmica entre esses dois homens vivendo uma guerra, que poderiam ter se apaixonado um pelo outro. Eu tentei empurrar [a história] um pouco mais nessa direção, mas os chefões da Disney não estavam preparados pra isso.”

*Spoilers*

No quesito representação LGBTQ+, Ascensão Skywalker teve uma cena mínima envolvendo duas personagens sem nenhuma importância efetiva para a história trocando um beijo que dura exatos 2 segundos. Segundo a GLAAD (Aliança de Gays e Lésbicas Contra Difamação), em 2018 a Disney teve zero – isso mesmo – zero representação, e em 2019 a situação não melhorou muito.

O motivo principal é a China, país que representa uma importantíssima fatia do faturamento global de Hollywood que o estúdio não pode simplesmente ignorar, e que veta qualquer tipo de demonstração de afeto entre personagens não héteros. O resultado são produções que não espelham a sociedade moderna e continuam sem dar oportunidade para que todos os tipos de amor sejam retratados em grandes blockbusters.

Nosso votos por um 2020 mais inclusivo no cinema e na tv.

Cresceu vendo filmes ao invés de brincar na rua. Fã de ir ao cinema sozinha. Críticas e notícias sobre o mundo do entretenimento.

bostancı escort