Astro de Animais Fantásticos escreveu carta para JK Rowling após comentário transfóbico da autora

Eddie Redmayne (Reprodução)

O astro de Animais Fantásticos e Onde Habitam, Eddie Redmayne ficou tão chateado com os comentários transfóbicos da autora JK Rowling que resolveu escrever uma carta para ela, expondo suas posições, conforme informou o jornal Daily Mail, que fez uma matéria sobre o ator vencedor do Oscar. Ele que interpretou a primeira mulher trans a realizar uma cirurgia de troca de gênero nos cinemas em A Garota Dinamarquesa, já havia defendido a causa anteriormente.

A carreira de sucesso de Rowling, que alcançou fama e dinheiro com a franquia Harry Potter, começou a ruir depois de uma série de tweets, em que ela questionava a inexistência de homens trans, que menstruam. Confrontada pelos internautas, ela preferiu não recuar em sua posição, e resolveu contra a atacar dizendo que a cultura do cancelamento era algo idiota, e que ninguém deveria ser cancelado por dizer o que pensa. Isso fez o caldo entornar ainda mais, e a autora viu além de estrelas dos filmes baseados em suas histórias emitirem opiniões contrárias à dela, além de se afastarem.

As coisas só pioraram para Rowling quando uma revisão inicial de seu novo livro, que ela escreveu sob o pseudônimo de Robert Galbraith, revelou que o assassino da história se veste de mulher para ganhar a confiança de vítimas inocentes. Isso foi considerado por muitos como mais uma prova de que Rowling é transfóbica. Redmayne na ocasião, emitiu uma declaração de apoio às pessoas trans depois que os comentários iniciais de Rowling nas redes sociais chegaram às manchetes. Agora, parece que Redmayne também deu um passo a mais ao escrever uma carta para Rowling a fim de resolver a situação que se desenrolou como resultado de seus comentários. No entanto, não parece que Redmayne escreveu a Rowling a fim de repreendê-la pelas coisas que ela disse, em vez disso, a carta supostamente lidava mais com o choque que ele sentiu sobre os ataques que a autora sofreu nas redes sociais.

Chamando a reação de Rowling de “absolutamente nojenta”, Redmayne enfatizou que viu seus numerosos amigos e colegas trans sofrerem como resultado da discriminação e de terem seus direitos humanos desafiados. Claramente, Redmayne discorda das coisas que Rowling disse, mas ele não sentiu que a maneira como ela foi tratada nas redes sociais foi uma resposta adequada. “Comentários sobre as pessoas trans nas redes sociais são igualmente repugnantes. Da mesma forma [que Rowling], continua a haver uma terrível torrente de abusos contra pessoas trans online e no mundo que é devastadora”, disparou ele.