Aterrorizada, Alyssa Milano revela que ainda sente sintomas graves após Covid

Alyssa Milano
Alyssa Milano (Reprodução)

Alyssa Milano parece ter ficado completamente abalada ao descobrir que teve COVID-19, e está atualizando os fãs através das redes sociais sobre seu estado de saúde. A estrela de Charmed de 47 anos explicou em uma postagem que está bem e tentando manter sua mente sã, embora tenha ficado com algumas sequelas da doença.

“Estou começando a me sentir melhor fisicamente. Ainda estou tomando aspirina a cada 3 dias para afinar o sangue, óleo de peixe, vitamina D, C, zinco e complexo B. Ainda tenho arritmias cardíacas ocasionais. Ainda me esqueço das palavras (absolutamente a pior parte)”, escreveu ela. Ela ainda disse que seus sintomas atuais nem são tão ruins se comparados aos que sentiu há algumas semanas.

Ela compartilhou a foto de uma tomografia e disse que se sentia melhor, explicando que tanto seus pulmões quanto seu coração estavam normais. A atriz disse que ainda fica assustada com o poder da COVID-19 e teme a doença, não por ela, que já teve, mas por seus familiares e amigos. “Eu não quero que eles nunca tenham isso. É um monstro. Então eu vacilo entre ficar grata e ficar apavorada. Grata por ter sido eu quem ficou doente e com medo de que amigos ou família fiquem doentes. E eu não posso deixar de me perguntar: como vocês estão? Por favor, fiquem seguros. Por favor, me deixe saber que vocês estão bem”.

A atriz disse anteriormente que quando os sintomas apareceram por volta do final de março, ela fez um exame pois temeu que fosse o vírus, e o resultado foi negativo. Como ela continuava sentindo dores, e febre, fez um novo exame que também deu resultado negativo, e só no mês passado quando ela fez um exame novamente, este detectou que ela já havia tido Covid em algum momento. “Tudo doía. Perda do olfato. Parecia que um elefante estava sentado no meu peito. Eu não conseguia respirar. Não conseguia manter a comida dentro de mim. Perdi 3,5 quilos em 2 semanas. Eu estava confusa. Febre baixa. E as dores de cabeça eram horríveis”.

ankara escort