Ator de Empire é novamente indiciado por enganar polícia e algo ruim pode acontecer com ele

Jussie Smollett
Jussie Smollett (Foto: Divulgação)

Um ano após alegar ter sofrido um ataque racista e homofóbico nas ruas de Chicago por apoiadores do presidente Donald Trump, o ator de Empire, Jussie Smollett foi novamente indiciado por um juri nesta terça-feira, 11 de fevereiro, acusado de mentir para a polícia.  A ação movida pelo promotor especial Dan Webb, fará com que o ator volte ao tribunal na cidade do Windy em 24 de fevereiro para prestar mais esclarecimentos sobre o suposto ataque ocorrido em 29 de janeiro de 2019.

Smollett disse que sofreu agressão por parte de dois homens, e alguns dias após a investigação e prisão de dois suspeitos de origem nigeriana, a polícia passou a acreditar que o ator havia encenado o ataque, e contratado os dois homens que eram irmãos, ao ter acesso a um cheque de US$ 3.500 que o ator teria lhes dado. A motivação do astro seria maior reconhecimento e maior salário na série. Com isso, a polícia de Chicago sentiu-se desrespeitada por gastar recursos públicos com uma investigação furada, e Smollett acabou sendo preso por prestar queixa falsa.

Alguns dias depois da prisão, ocorrida em fevereiro de 2019, o ator foi solto após pagar fiança no valor de US$ 10.000 e serviços comunitários. Em março de 2019, as acusações contra o ator foram retiradas, e ele não teve nenhum dano por isso, além de seu afastamento da série Empire, na qual interpretava o personagem Jamal Lyon. Caso tivesse sido condenado por todas as 16 acusações feitas a ele, o ator cumpriria pena de quase 50 anos na prisão.

O então prefeito de Chicago não aceitou o gasto público dispendido na investigação, e processou Jussie Smollett exigindo centenas de milhares de dólares, processo que ainda corre na justiça, mesmo o ator indo a público dizer que a cidade destruiu sua vida. Nomeado em agosto de 2019 como promotor, Dan Webb, comunicou nessa terça-feira, que Chicago estava novamente indiciando o ator por atitude desordeira após concluídas as investigações.

O site Deadline tentou entrar em contato com o ator, que não respondeu sobre as novas acusações. Empire termina sua última temporada no dia 3 de março e não contou com o ator sequer no material de divulgação da temporada iniciada em setembro. Nem a Fox, nem a produtora por trás do programa deram qualquer declaração sobre o afastamento de Jussie Smollett, mas pelo visto, parece que é definitivo.