Ator de Glee, Iqbal Theba sai em defesa de Lea Michele por acusações de racismo

Iqbal Theba como Diretor Figgins em cena de Glee
Iqbal Theba como Diretor Figgins em cena de Glee (Reprodução)

As possíveis atitudes racistas da atriz Lea Michele não param de causar furor no meio artístico, inclusive entre outros atores que trabalharam com ela na série Glee. Mas desta vez, ao invés de atacar, um ator saiu em defesa da artista de 33 anos.

Iqbal Theba que interpretou o diretor Figgins no programa resolveu se pronunciar sobre o assunto em sua conta no Twitter: “Tem muitas pessoas dizendo que Lea Michele me maltratou. Deixe-me dizer isso claramente: nunca fui maltratado por ela. E se parte do elenco foi, ela já pediu desculpas por isso, o que é maravilhoso”, começou ele.

“Ser chamado de racista é muito pesado e injusto, um fardo para a maioria de nós, especialmente nestes tempos tão difíceis. Portanto sejam compassivos, cuidados e responsáveis antes de acusar alguém desta coisa horrível chamada racismo”, continuou dizendo.

“Eu amo cada um dos meus colegas, do nosso grande programa Glee. Fiquem seguros, fiquem bem, e muito amor a todos”, finalizou ele. O ator recentemente participou da série Eu Nunca…, da Netflix.

Toda a confusão em torno de Lea Michele começou porque a atriz resolveu se posicionar no Twitter escrevendo uma mensagem de apoio ao movimento Black Lives Matter, que tem tomado as ruas americanas em protesto após a morte de George Floyd, por um policial. A também atriz de Glee, Samantha Ware não gostou da manifestação de Michele, e expôs o comportamento racista da estrela, com ela. Nisso, outros atores do elenco também se manifestaram, através de gifs, ou mesmo de simples curtidas.

Personalidades de outras séries, e até de peças musicais em que Lea Michele esteve presente também reclamaram publicamente do comportamento antipático da atriz. Heather Morris, chegou a dizer em uma publicação numa rede social que trabalhar com a morena em Glee era desagradável.