Ator de Star Wars opina sobre excesso da saga no cinema

Daisy Ridley em Star Wars
Cena de teaser do filme Star Wars: A Ascensão Skywalker, próximo longa a ser lançado da franquia (Reprodução/YouTube – Star Wars)

Fãs e espectadores que acompanham a saga Star Wars foram pegos de surpresa mais recentemente com um aumento das produções da franquia original. A saga tem sido levada rapidamente aos cinemas, o que tem incomodado algumas pessoas. Recentemente, o ator Anthony Daniels, intérprete do C-3PO na saga, falou sobre o futuro do filme nas telonas e destacou esse excesso da franquia no cinema. Em conversa o The Sunday Times, ele reconheceu um exagero.

“Acho que a Disney está ultrapassando os limites, e eles ficaram entusiasmados demais. Os fãs estão saturados, porque sugaram Star Wars ao máximo”, disse o ator. E ele não foi o único a reconhecer este exagero. Recentemente, em entrevista ao The New York Times, o presidente da Disney, Bob Iger, também falou sobre esse “bombardeio” de Star Wars sobre o público.

“Acho que exageramos na quantidade e na velocidade em que o estúdio pôs a saga de volta ao mercado, mas acredito que temos funcionários talentosos na empresa. Estamos melhores do que nunca, também por causa dos profissionais que vieram da Fox e conhecem a saga”, disse Iger ao The New York Times.

As produções de Star Wars, que dispararam nos últimos anos, se tornaram alvo de comentários. Apesar disso, a saga se prepara para ver mais um filme lançado. Star Wars: A Ascensão Skywalker vai chegar aos cinemas em 19 de dezembro de 2019.

Além dessa produção, a Disney planeja, também, levar outras atrações sobre a saga ao público, por meio de trabalhos oficiais da franquia ou derivados, por meio de filmes ou de séries para o serviço de streaming Disney+, que será lançado em breve. Uma das atrações será a série O Mandaloriano, já em fase de divulgação pela empresa do Mickey.

Possui Mestrado em Comunicação e Graduação em Jornalismo. Pesquisa cultura pop e também trabalha com o tema.