Ator de The Walking Dead surta, faz algo horrível e acaba preso

Cena da decima temporada de The Walking Dead
Cena da decima temporada de The Walking Dead (Divulgação)

Uma atitude inacreditável foi tomada por um dos atores de The Walking Dead! Um intérprete de zumbi resolveu tirar o papel das telas e agrediu e mordeu uma fã.

Trata-se do ator Michael Mundy, que já foi preso em duas ocasiões. A informação foi revelada pela fã Beverly Jackson, que na verdade tornou-se namorada de Michael. Eles se conheceram em 2012.

Ao The Sun, ela revelou que eles vivem um relacionamento abusivo. “Eu me apaixonei por ele. Ele foi muito charmoso no começo, e prometeu que ia me ajudar a entrar em Hollywood”, disse ela.

Em 2018, o ator tomou atitudes bem ruins com ela, quando “bateu em seu rosto, e mordeu suas mãos, braço e costas”, sem contar que ainda a expulsou do quarto de hotel em que haviam se hospedado.

Diante das ocorrências, o profissional de TWD recebeu uma ordem de restrição, que o impede de se aproximar de Jackson. Porém, ainda assim, ele a procurou. “Eu temo que ele só vá parar quando eu estiver morta”, concluiu a jovem.

Recentemente, uma atriz surpreendeu ao revelar que uma cena de sexo foi deletada de TWD. “Filmei outras cenas dela interagindo com Rosita e Eugene que o público nunca poderá ver. Todos filmamos coisas que nunca chegam à tela”, disse Lindsley Register, cuja personagem morreu após um confronto.

“Havia cenas de mim e Rosita começando a nos tornar amigas, em que ela e eu matávamos zumbis juntas. Eu salvei a vida dela em um ponto. E filmamos uma cena muito divertida, em que eu e Eugene fazíamos sexo”, completou ela.

Register deu mais detalhes a respeito. “Um dia, estava no set e nosso diretor [disse que eu ia gostar muito do roteiro do próximo episódio. Havia uma cena em que Eugene estava no complexo dos Salvadores e os zumbis entravam. Nós achávamos que íamos morrer, então entrávamos no quarto e fazíamos sexo. Todo mundo ficou abalado. Foi muito engraçado”.

Jornalista especializado em entretenimento, consumista de streaming e cinemaníaco de carteirinha.