Ator revela algo NOJENTO que tabloide pediu pra ele fazer com Meghan Markle

Príncipe Harry e Meghan Markle
Príncipe Harry e Meghan Markle

Agora que não faz mais parte da realeza para ter uma vida normal, novas notícias sobre Meghan Markle voltam a circular na imprensa. Um ator resolveu revelar que um tabloide lhe ofereceu 70 mil dólares para fingir um romance com a esposa do príncipe Harry.

A declaração reveladora foi feita por Simon Rex, durante uma conversa realizada em um podcast. “Nada aconteceu. Nós nunca nos beijamos. Saímos tipo uma vez de uma forma nada romântica. Ela era apenas alguém que eu conheci durante um programa de TV e nós, tipo, almoçamos juntos. Essa foi a extensão da nossa relação”, relatou ao podcast Hollywood Raw.

“Eu disse não a muito dinheiro, porque não me sentia bem mentindo e ferrando a família real”, disse ele, sobre a proposta que em reais resulta em mais de 350 mil. Com 45 anos de idade, Simon é famoso por sua atuação na série What i like abou you e também em filmes como Todo mundo em pânico 3.

Recentemente, Peter Morgan se pronunciou sobre o cancelamento da série The Crown, série baseada na família real britânica: “Desde o início, eu realmente imaginei The Crown com seis temporadas. Agora que já começamos a trabalhar na quinta temporada, ficou claro que esse é o ponto certo para terminarmos. Estou satisfeito com a Netflix e a Sony, que me apoiaram nessa decisão”. A fala foi dita ao Digital Spy e do MSN Entertainment.

“Me sinto desconfortável ao escrever sobre eventos dentro de um certo período de tempo. Acho que em uma certa quantidade de tempo, tudo que você escreve acaba instantaneamente assumindo um caráter jornalístico, pela proximidade do momento das notícias”, adicionou ao Entertainment Tonight sobre o enredo que está disponível na Netflix.

“Se você esperar algum tempo, uns 15 ou 20 anos, basicamente uma nova geração surge entre a história e os eventos que seriam dramatizados. Vamos ter que esperar para contar a história de Meghan Markle, pois, por enquanto, não existe nada para contar livremente como drama”, falou ainda.

Jornalista especializado em entretenimento, consumista de streaming e cinemaníaco de carteirinha.