Atriz de The Walking Dead revela terror que sentiu ao receber roteiro de episódio da série

Daryl (Norman Reedus) e Beth (Emily Kinney) em The Walking Dead
Daryl (Norman Reedus) e Beth (Emily Kinney) em The Walking Dead (Reprodução)

Muitos telespectadores acabam não sabendo o que os atores sentem ao pegar um roteiro para gravar, e muitos deles sentem terror e pânico, como relatou Emily Kinney, que interpretou a personagem Beth em The Walking Dead. A jovem atriz disse que ficou muito nervosa certa vez ao pegar um dos scripts e perceber que não tinham outros personagens no episódio além de Beth e Daryl (Norman Reedus).

O episódio em questão é o 12 da quarta temporada, que mostra a dupla de forasteiros fugindo depois que o governador (David Morissey) invadiu a prisão em que o grupo estava escondido e matou Hershel (Scott Wilson) o pai de Beth e Maggie (Lauren Cohan), decapitado na frente da garota. Daryl acaba se culpando por não ter conseguido proteger o fazendeiro e começar a chorar.

Em entrevista ao Lets Stay Together, ela explicou seu sentimento: “Há um episódio que é apenas Beth e Daryl, e todo o episódio é apenas nossa pequena jornada. Eu me lembro no início, pegando aquele roteiro foi como, ‘Ok, sou só eu e Norman Reedus’’ e me sentindo definitivamente um pouco nervosa de basicamente carregar a hora inteira do show”.

“Lembro-me de terminar aquele episódio e me sentir orgulhosa de mim mesma, falando, ‘Oh uau, nós fizemos isso, nós conseguimos.’ E todos os altos e baixos que tivemos que passar naquele episódio em particular. Foi uma oportunidade tão boa, que me pressionou de uma certa maneira”, explicou Kinney.

O roteiro em questão foi escrito por Angela Kang que mais tarde viria a se tornar showrunner do programa, mas essa não é a primeira vez que a atriz fala sobre esse episódio, pois quando aconteceu havia muito especulação de que os personagens pudessem ter um romance. “Eu só vi isso como um vínculo. Assim como qualquer novo tipo de relacionamento-amizade, sinto que sempre há perguntas sobre para onde ela vai ou que tipo de relacionamento é. E quero dizer, [o episódio] realmente foi apenas o começo de eles se tornarem amigos, e sendo pessoas em quem eles poderiam confiar”, disse ela em entrevista ao podcast Talk Dead To Me.