Atriz de Vikings revela que quase gravou cena BIZARRA na série

Amy Bailey, como Kwenthrith em Vikings (Reprodução / History)
Amy Bailey, como Kwenthrith em Vikings (Reprodução / History)

Dando continuidade à sua série de revelações sobre as gravações da série Vikings, Amy Bailey revelou em entrevista ao canal Beauty Is Eternal, que quase teve de interpretar uma cena de sexo bizarra, que ocorreria entre ela e o personagem de Travis Fimmel (Ragnar Lothbrok). A sequência acabou sendo descartada a pedido dos próprios atores.

A atriz contou que sempre ficava receosa ao receber o roteiro da série. “Toda vez que recebíamos um novo episódio, eu pensava, ‘Oh Deus, o que ela terá que fazer? ‘”, relatou ela. 

A intérprete de Rainha Kwenthrith também comentou sobre a famosa cena da terceira temporada na qual a sua personagem urina em Ragnar e como foi a abordagem do diretor para com ela e Fimmel. “Ele disse algo como, ‘Você vai ter que fazer xixi nele’. Eu disse, ‘Vocês estão brincando comigo, engraçados vocês’”, disparou.

De acordo com ela o mistério da paternidade de Magnus (que se dizia filho de Ragnar), partiu de uma sugestão sua: “Fui eu que convenci a produção a cortar a minha cena de sexo com o Travis. Sempre achei que seria mais interessante se o público não soubesse realmente se o Magnus era filho dele”.

Recentemente, Bailey contou que o elenco da série de Michael Hirst reclamou do número excessivo “de atores de método”, modalidade na qual os intérpretes continuam “encarnados” nos seus respectivos personagens, mesmo quando não estão gravando. A prática, segundo ela, trazia problemas dentro do set.

“Não vou citar nomes, mas acho difícil trabalhar com atores de método. Esse tipo de treinamento funciona muito bem nas cenas, porque tudo se torna mais intenso e real”, disse ela. “Mas quando eles não ‘saem do personagem’ nos intervalos da gravação. É tudo muito chato”, desabafou.

A famosa acusou ainda, sem citar nomes, que esses atores acabavam destratando membros da equipe. “Você tem que cuidar das pessoas que cuidam de você. Em todos os projetos que já atuei, especialmente em Vikings, existe uma equipe trabalhadora que chega ao set horas antes do elenco e permanece lá horas depois de os atores irem para a casa”, reconheceu.