Olivia Munn em “X-Men: Apocalipse” (Divulgação)

Desde a explosão do movimento #MeToo, vários nomes de Hollywood foram expostos em casos de abuso moral e especialmente sexual, e afastados da indústria. Agora, a atriz Olivia Munn questiona por que o mesmo não aconteceu com o diretor Quentin Tarantino.

Em entrevista ao programa AM2DM da rede BuzzFeed News, Olivia comentou sobre o fato de que mesmo após serem acusados, obviamente dependendo da gravidade, é possível que algumas personalidades sejam aceitas de volta para continuar atuando no mercado, desde que suas carreiras sofram as consequências, proporcionalmente. Mas segundo ela, alguns desses famosos seriam privilegiados. “Existem alguns homens que quando fazem algo errado dizem ‘Opa, desculpa, foi mal’, e continuam no mesmo lugar da fila. Existem pessoas que acham que podem deixar essas coisas pra trás e que as pessoas vão esquecer. Existem coisas com os Afflecks [Ben e Casey]. Temos Tarantino que admitiu ter tido comportamento abusivo no set e que também sabia o que Harvey Weinstein estava fazendo“, criticou.

Dois pesos duas medidas

Quentin chegou a assumir culpa por ter se calado perante os crimes de Harvey: “Eu sabia o suficiente pra fazer mais do que fiz. Não eram apenas rumores, a fofoca normal. Não era informação de segunda-mão. Eu sabia que ele tinha feito algumas daquelas coisas. Eu gostaria de ter assumido responsabilidade pelas coisas que ouvi“. O diretor também assumiu o abuso psicológico que causou na atriz Uma Thurman durante as filmagens de “Kill Bill”, e mais tarde foi perdoado publicamente por ela. A própria Munn esteve envolvida em dois casos polêmicos recentemente, nos quais revelou ter sido uma das vítimas de abuso pelo diretor Brett Ratner e ao declarar que pediu que uma de suas cenas no novo “Predador” fosse deletada, após descobrir que o ator com o qual contracenava havia sido acusado por crimes de má conduta sexual. Mesmo com todo o avanço, é bem óbvio que ainda há muito em Hollywood que as mulheres precisam conquistar.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui