Atriz tem fotos divulgadas online e faz post indignada nas redes sociais

Olympia Valance, atriz de Neighbours
Olympia Valance, atriz de Neighbours (Divulgação)

A atriz Olympia Valance foi até as redes sociais revelar que foi vítima de um crime cibernético. Hackers invadiram seu celular, roubaram fotos onde ela aparecia nua, e publicaram na internet. Na postagem publicada na última quinta-feira, 20 de agosto, ela chamou a situação de revenge porn. “Estou escrevendo isso como a confirmação de que fui vítima de um crime na internet, e tenho lidado com isso por um ano depois que meu telefone foi hackeado e teve fotos íntimas publicadas online. Isso aconteceu novamente recentemente, me causando muita dor e aumentando ainda mais a minha ansiedade”.

“Como vítima disso, tive de lutar para tentar impedir que essas imagens chegassem ao público”, explicou ela que está trabalhando com advogados especializados nesse tipo de crime, não somente para encontrar os culpados, como também impedir que as imagens continuem a circular. Segundo a australiana, o que a motivou a revelar a situação na rede social, foi fazer com que outras mulheres que estão passando ou passaram pelo mesmo possam ser ajudadas e tomar uma atitude em relação.

“Tirar fotos íntimas para si mesmo ou para compartilhar com um parceiro não é uma coisa vergonhosa de se fazer. Roubá-las e compartilhá-las online sem consentimento é. Devemos ter a permissão de abraçar nossa sexualidade sem medo de que alguém pegue essas imagens e as manipule para seu próprio ganho. Eu não estou envergonhada. Eu não estou constrangida. Eu não vou me desculpar. Eu não fiz nada de errado”, disparou ela no post, mostrando como é errado a culpabilização da vítima.

Conhecida pelas séries Neighbours e Playing for Keeps, ela explicou que sente agora uma profunda tristeza por todo o ocorrido. “Eu sou uma figura pública, mas também sou um ser humano. Estou com dor e com certeza sinto dor. Como muitas outras mulheres que também são vítimas deste crime cruel e intrusivo, tenho que aceitar que essas fotos circulem fora do meu controle”, disse ela. Na Austrália, o crime pode dar cadeira, com pena de até sete anos, e multa para pessoas físicas de cerca de 400 mil reais, e para pessoas jurídicas de até 2 milhões de reais.