Batwoman: Teoria explica o que levou Batman a matar o Coringa na série

Warren Christie como Bruce Wayne em Batwoman
Warren Christie como Bruce Wayne em Batwoman

Na primeira temporada, Batwoman conseguiu dar algumas pistas sobre o que havia acontecido com Batman, e até mesmo mostrar o rosto do herói, quando no último episódio exibido, o vilão assumiu a aparência do milionário Bruce Wayne, ao vê-lo na capa de uma revista. Mas um grande mistério ficou por conta do motivo pelo qual o justiceiro de Gotham assassinou o vilão, Coringa.

Kate Kane ficou sabendo que o Homem-Morcego havia matado seu inimigo há cinco anos, o que levou fãs a criarem teorias sobre o motivo que levou o personagem a cruzar essa linha. Uma sugestão é que a série trabalhe em cima do enredo da revista Death In The Family, na qual Coringa espanca Jason Todd, o Robin, até a morte, o que faz com que o mascarado busque vingança.

Lucius Fox havia dado uma pista no diário dele, que foi mostrado no episódio 19, dizendo que Azrael estava por lá, assim como sua armadura, que consegue corromper a alma de quem a usa. Ele também conta que Bruce Wayne usou o traje por um tempo e com isso experimentou um comportamento mais agressivo que de costume. Claro, não é uma certeza, mas a cena deixa subentendido que o poder das vestimentas fez que com que Batman tenha matado o ex-namorado de Arlequina.

De acordo como site americano Screen Rant, Bruce sentiu-se culpado, e resolveu abandonar Gotham ao perceber que poderia colocar em risco outas pessoas por conta de sua violência desmedida. A série Batwoman, perdeu sua protagonista Ruby Rose, que avisou dois dias após a exibição do último episódio da primeira temporada, que não voltaria para uma segunda, e com isso, a The CW, e a Warner Bros. TV divulgaram anúncio para encontrar uma nova protagonista, ressaltando que a personagem Kate Kane também não vestirá mais o mando da heroína.

ankara escort