Ben Platt fala sobre a sexualidade do seu personagem em The Politician

The Politician
The Politician (Divulgação)

A nova série criada pelo super produtor Ryan Murphy, The Politician, acabou de estrear na Netflix. Recheada de humor negro e críticas afiadas aos ricos e poderosos que manipulam seu caminho até o topo, a produção tem Ben Platt como um jovem gay que não mede consequências para conseguir seus objetivos.

Porém segundo o ator, a sexualidade do seu personagem está longe de ser o ponto de destaque. Em nova entrevista ao Digital Spy, Ben – famoso por musicais da Brodway, em especial a peça ‘Dear Evan Hansen’ – afirmou que isso se trata de um importante diferencial.

Isso é algo bom, porque eu quero interpretar todos os tipos diferentes de personagens na minha carreira, não importa qual seja a minha preferência sexual particular. E a preferência sexual de cada um desses personagens não os define”, comentou. Na série, Payton está em um relacionamento com Alice, que sonha em ser primeira dama, mas ao mesmo tempo está apaixonado pelo seu rival, River (David Corenswet).

Ele está sempre à frente na forma como pensa – até mesmo como ele descreve identidade de gênero e identidade sexual, tudo isso está sempre um passo à frente de todo mundo. Essa é uma das muitas razões pelas quais estávamos tão animados pra finalmente estrear, porque esse é o momento exato pra isso”, explicou Ben sobre o trabalho de Murphy.

Coincidentemente

A produção também lida com o tema das fraudes nas admissões das grandes faculdades americanas, algo que foi criado antes do escândalo famosamente envolvendo a atriz Felicity Huffman, que acabou condenada a meses de prisão.

Isso faz parte do DNA do Ryan, que ele de alguma forma tem um sexto sentido, então não me surpreendeu muito que esses elementos estejam presentes na série”, declarou Platt. O elenco conta também com Bette Midler, Judith Light, Gwyneth Paltrow, Brad Falchuk, Jessica Lange, Zoey Deutch e Lucy Boynton. A primeira temporada pode ser assistida com exclusividade no streaming.

 

Cresceu vendo filmes ao invés de brincar na rua. Fã de ir ao cinema sozinha. Críticas e notícias sobre o mundo do entretenimento.