Bilheteria global de Tenet ultrapassa US$ 300 milhões

John David Washington e Robert Pattinson em Tenet (Imagem: Divulgação/ Warner Bros. Pictures)

Mesmo com queda na arrecadação doméstica, a bilheteria global de Tenet ultrapassou US$ 300 milhões no final de semana. O novo filme de Christopher Nolan, lançado no final de agosto em cinemas internacionais e nos EUA no início de setembro, faturou US$ 2,7 milhões na América do Norte, totalizando apenas US$ 45,1 milhões no mercado doméstico. Já no exterior, o longa fez US$ 14,2 milhões, referente a 59 mercados. São US$ 262 milhões no mercado internacional e um total de US$ 307 milhões globalmente [via Variety].

Além da hesitação do público de sair de casa durante a pandemia, que ainda está intensa nos Estados Unidos, os grandes mercados, como Nova Iorque e Los Angeles, continuam fechados, o que pode contribuir para os números baixos na arrecadação. Em comparação, o relançamento de Abracadabra fez US$ 1,9 milhão no final de semana nos EUA. Já Os Novos Mutantes US$ 1 milhão, totalizando US$ 20,9 milhões na bilheteria doméstica e US$ 41, 9 globalmente.

Escrito e dirigido por Nolan, Tenet é descrito como uma aventura internacional de espionagem, onde o protagonista, interpretado por John David Washington (Infiltrado na Klan), precisa impedir uma Terceira Guerra Mundial através de uma missão que “se desdobra em algo além do tempo real”.

Robert Pattinson (‘O Farol’, ‘The Batman’), Kenneth Branagh (Assassinato no Expresso do Oriente), Elizabeth Debicki (As Viúvas), Aaron Taylor Johnson (Vingadores: A Era de Ultron), Dimple Kapadia (O Que o Coração Deseja), Clémence Poésy (The Tunnel), Wes Chatham (The Expanse) e Jack Cutmore-Scott (O Truque de Black) completam o elenco.

Assista ao trailer:

 

Críticas

No Rotten Tomatoes, o longa conta com uma aprovação de 71%, com base em 266 avaliações da crítica. Já o público do site aprova em 76% o filme. O consenso afirma: “Um quebra-cabeça visualmente deslumbrante para os amantes do cinema desvendarem, Tenet atende a todos os espetáculos cerebrais que o público espera de uma produção de Christopher Nolan”.

“Ao todo, torna-se um filme frio e cerebral – fácil de admirar, especialmente por ser tão rico em audácia e originalidade, mas quase impossível de amar, já que falta uma certa humanidade.” – Leslie Felperin, The Hollywood Reporter.

“Tenet é um lugar emocionante para se perder.” – Clarisse Loughrey, Independent.

“Nunca devemos saber o que exatamente está acontecendo em um determinado momento, mas estaremos – devemos estar – entretidos com o absurdo esmagador de tudo isso.” – Barry Hertz, Globe and Mail.

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), apaixonada por literatura, cartas e pela magia do cinema. Escritora de histórias e trajetos dos amores.