CEO da Disney dá grande notícia sobre segunda temporada de O Mandaloriano

Bob Chapek
Bob Chapek (Reprodução)

Os fãs de Star Wars, e de O Mandaloriano, série do Disney Plus que faz parte da franquia, podem ficar despreocupados. O programa que fez enorme sucesso na plataforma de streaming no ano passado, voltará para uma nova temporada ainda este ano, foi o que garantiu Bob Chapek, CEO da Disney ao afirmar que a produção não foi afetada pelas paralisações no setor do entretenimento devido ao surto de COVID-19.

“A série encerrou a produção antes. Estivemos tomando conta disso, e eles não vão atrasar”, explicou ele entrevista à emissora CNBC nesta segunda-feira, 11 de maio, dizendo ainda que a Disney tem um forte compromisso com os cinemas, e que não pretende abrir mão de seus filmes feitos para o cinema, mesmo Artemis Fowl tendo estreado no streaming.

“Acreditamos na experiência de ir ao cinema, principalmente no lançamento de grandes filmes, potenciais grandes sucessos”, disse ele ao ser questionado sobre a mudança de paradigma que forçou estúdios a lançarem seus filmes longe das telonas. Segundo ele, tendo a Disney Plus, mais de 54 milhões de assinantes, ainda seria viável fazer lançamentos por lá, desde que sejam “filmes sem regras rígidas”. Chapek explicou devido ao fato de Artemis Fowl não ser um blockbuster, e ter ainda classificação livre, algo que a nova plataforma preza acima de qualquer coisa.

Especialistas acreditam que o mês de julho ainda é cedo para se abrir os cinemas, como Chapek deseja, já que Mulan teve seu lançamento marcado para este mês, mas ele acredita que os cinemas irão ter público assim como os parques da empresa. “Vai ser uma situação de escada assim como nossos parques”, revelou ele que não está preocupado com a menor capacidade que os ambientes compartilhados podem apresentar.

“Geralmente de segunda a sexta, a capacidade de um cinema à tarde é de 25%. Isso só se torna um problema na sexta, e no sábado à noite, e em menor grau no domingo à noite. Isso pode ser gerenciado pelos responsáveis pelas salas”, disparou.