Bob Chapek, CEO da Disney fala sobre data de lançamento de séries da Marvel

Bob Chapek
Bob Chapek (Reprodução)

Aguardadíssimos pelos fãs, os programas da Marvel programados para estrear no Disney+ ainda devem demorar um pouco mais para dar as caras. Na tarde da última terça-feira, 04 de agosto, o Bob Chapek, CEO da Disney confirmou que nenhuma das três atrações prometidas está finalizada a ponto de serem exibidas, e precisarão filmar ainda por mais um período.

Como muito se falou sobre O Falcão e o Soldado Invernal e Wandavision, acreditou-se que os dois programas estavam com grande parte de sua produção, senão toda ela finalizada, com boatos até que a plataforma poderia dividir a temporada já curta (de apenas seis episódios) em duas partes, para possibilitar que fosse feita uma finalização correta. Isso tudo foi reforçado por imagens de uma festa feita pelo elenco de WandaVision, levando o público a acreditar que era uma comemoração de encerramento das filmagens (que inclusive, aconteceu antes da pandemia).

Durante uma conferência com investidores, e imprensa, Chapek foi questionado sobre a escassez de conteúdo original no Disney+ em comparação com outros streamings como Netflix, Prime Video e HBO Max, e explicou que tanto as já citadas séries, como LOKI, ainda precisam de finalizar suas filmagens, então a expectativa é que realmente não estreiem tão cedo na plataforma, possivelmente apenas no ano que vem.

O Falcão e o Soldado Invernal mostrará o destino de Sam Wilson (Anthony Mackie) depois de receber o escudo diretamente de Steve Rogers (Chris Evans) e se tornar o novo Capitão América. O ator havia inclusive brincado que precisou malhar muito para aguentar durante o dia inteiro o peso do escudo que tem cerca de 7 quilos, sobretudo sua dificuldade para arremessá-lo. Já em outra entrevista, Sebastian Stan disse que a série se parece muito com o clima construído pelos Irmãos Russo em Vingadores: Ultimato, filme mais recente da franquia.