Keanu Reeves como Neo em “Matrix” (Reprodução)

Se apegar ao passado nunca foi uma ideia muito boa. Quando se fala em atores e atrizes que passaram determinados papéis para depois vê-los brilhar nas mãos de outros artistas, pior ainda. Recentemente, o astro maior Brad Pitt revelou que disse não à oportunidade de viver um icônico personagem do cinema nos anos 90.

Depois de figurar como uma das celebridades mais famosas dos anos 90 e começo dos anos 2000, Pitt resolveu descansar a imagem e passou a se dedicar ao trabalho por trás das câmeras com sua produtora Plan B, que tem lançado ótimos projetos nos últimos como Querido Menino, Moonlight: Sob a Luz do Luar e Comer, Rezar, Amar.

Durante sua passagem pelo Festival de Cinema de Santa Barbara essa semana o ator admitiu que recebeu uma proposta para atuar na franquia Matrix, e recusou. Mesmo que não tenha falado abertamente sobre o personagem em questão, já havia rumores de que se trata do protagonista Neo, que como todos sabem acabou nas mãos de Keanu Reeves e cimentou sua carreira no cinema.

Escolha

Eu passei Matrix, tomei a pílula vermelha. Esse é o único [filme] que vou nomear. Não me ofereceram dois ou três, só o primeiro, apenas para deixar claro. Eu venho de um lugar, talvez seja a forma como fui criado, se eu não peguei, então não era para ser meu. Eu realmente acredito que o papel nunca foi meu. Não é meu. Era de outra pessoa e eles foram e fizeram”, explicou durante entrevista à Leonard Maltin.

Brad continuou: “Se estivéssemos fazendo um programa sobre todos os ótimos filmes que eu recusei, precisaríamos de duas noites”. De qualquer maneira, não podemos dizer que a recusa atrapalhou sua carreira. Pitt atuou em diversos sucessos desde então, e 2019 representou seu retorno às telas em grande estilo com as prestigiadas produções Ad Astra e Era uma vez em Hollywood.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui