Bryan Cranston revela se aceitaria o convite para participar de Better Call Saul

Bryan Cranston em Breaking Bad (Divulgação)

Walter Whit…digo Bryan Cranston, estaria interessando em reencontrar seu antigo colega de elenco Bob Odenkirk (Saul Goodman) em Better Call Saul, o spin-off de Breaking Bad. Para o ator tudo depende de um convite.

“Eu estaria dentro se Vince Gilligan e Peter Gould, que são coprodutores executivos da série, quisessem que eu participasse. Eu entraria em um piscar de olhos. Mas ainda não aconteceu, posso lhe dizer, e vamos ver”, disse Cranston ao Collider.

Há muito se especula sobre uma possível participação de Walter White em Better Call Saul, que este ano concluiu a quinta temporada. Os preparativos para o sexto ano da série estão cercados de mistérios e boatos sobre um suposto aparecimento de Jesse Pinkman (Aaron Paul) na trama.

Sem promessas, Cranston deixou para a sorte decidir: “Eu não sei. Há mais uma temporada pela frente e vamos ver o que acontece!”

O ator ainda afirmou que já foi o convidado algumas vezes para dirigir alguns episódios da série. “Me pediram para dirigir um episódio a cada temporada e simplesmente não funcionou por causa de compromissos, de fazer uma peça, um filme ou algo assim, então não consegui separar um tempo disponível. Mas eu amo a série. Eu acho que é uma série fantástica”, contou.

Vale destacar que, devido ao fato de Better Call Saul se passar após os eventos de Breaking Bad, um aparecimento de Walter White traria implicações também para narrativa da série original. Vince Gilligan, no entanto deixou aberta a possibilidade e, também à Collider o roteirista elogiou o talento de Cranston.

“Eu adoraria ter Bryan dirigindo um episódio. Eu escrevi um episódio [de Breaking Bad] que Bryan dirigiu e eu estava no set com ele todos os dias, e foi uma experiência maravilhosa. Ele é um diretor magnífico. Ele é um dos poucos diretores que tem facilidade para a comédia mais leve e o drama mais sombrio. Ele é notável”, afirmou Vince.

 

Amante das diversas formas de expressão cultural. Viciado em séries, e sempre por dentro das últimas novidades do cinema. Ama dramas e sempre tenta dar uma oportunidade para as fantasias, distopias e os longas de ação e terror.