CCXP19: Tudo que rolou no auditório Cinemark XD (05/12)

Elenco de As Five na CCXP19 (Reprodução)

No primeiro dia da CCXP 2019 o auditório Cinemark XD foi como sempre o mais concorrido, devido ao painel do filme Aves de Rapina que aconteceu às 20:00hs com a presença da diretora e elenco. Porém durante todo o dia grandes atrações passaram pelo palco, para agradar fãs dos mais diferentes estilos.

Começando com a presença especial de Cao Hamburger falando sobre os 25 anos do Castelo Rá-Tim-Bum, revelando que outros dois programas foram produzidos antes de chegar ao formato final apresentado. Um dos momentos mais emocionantes foi quando o público em peso entoou a clássica música do personagem ratinho durante o banho.

Em seguida o ator e apresentador André Marques conduziu o painel com elenco da nova série As Five, spinoff da temporada de 2017 de Malhação Viva as Diferenças. Foram discutidos temas como representatividade feminina no cinema e na tv, além dos elementos políticos e sociais que serão explorados pelas personagens interpretadas por Benê (Daphne Bozaski), Ellen (Heslaine Vieira), Keyla (Gabriela Medvedovski), Lica (Manoela Aliperti) e Tina (Ana Hikari). A transmissão será feita no Globoplay.

Para os amantes da animação, a Disney trouxe um painel especial de O Rei Leão: Dando Vida à Savana, mostrando em detalhes como foi criado o longa de sucesso dirigido por Jon Favreau, com apresentação de Julien Bolbach, expert em efeitos visuais. Foram mostradas imagens exclusivas do processo de criação dos personagens e cenários, revelando que mais de 15.000 computadores trabalharam em capacidade máxima para renderizar o filme.

Outro grande momento foi a presença de Pav Grochola trazendo Homem-Aranha: Desbravando o Aranhaverso, da Sony Pictures, também mostrando em primeira mão para o público brasileiro como se deu o desenvolvimento da animação que rompeu barreiras e conquistou o público. Pav deixou claro que a intenção desde o momento da concepção do projeto era garantir que cada frame parecesse ter saído diretamente de uma página de quadrinhos.

Sustos

Mudando totalmente de clima, o diretor Takashi Shimizu, criador de O Grito, subiu ao palco para falar sobre as particularidades do cinema de terror Japonês. Foram mostradas cenas da versão original do filme e em seguida as mesmas cenas na versão americana. Na ocasião, Shimizu foi questionado se produziria um filme de super-herói: “Acho que já existem muitos filmes em Hollywood sobre isso. Posso fazer algo de ação ou que use computação gráfica. Se fizesse um filme de super-herói seria algo mais realista”.

Para saber o que rolou nos painéis de 80 anos do Batman e de Aves de Rapina, siga os links. A CCXP19 continua até o dia 08 de dezembro.

Cresceu vendo filmes ao invés de brincar na rua. Fã de ir ao cinema sozinha. Críticas e notícias sobre o mundo do entretenimento.

bostancı escort