CEO do estúdio revela se diretor de Corra quer fazer sequência

Jordan Peele, diretor de Corra
Jordan Peele, diretor de Corra (Divulgação)

Jasom Blum, fundador da Produtora de terror Blumhouse está com diversos projetos que ganharão as telas em breve, porém, ainda muito questionado sobre uma possível continuação de Corra (Get Out), ele afirmou que uma sequência não deve acontecer. Lançado em 2017, o filme foi dirigido por Jordan Peele, marcando sua estreia na direção, e logo se tornando um dos maiores sucessos daquele ano.

Com uma mistura de horror, o filme foi amplamente elogiado por provocar tensão constante, além de uma crítica social condizente com o momento. De um orçamento considerado baixo, de 4,5 milhões de dólares investidos, o longa conseguiu arrecadar 255 milhões de dólares nas bilheterias mundiais. Com um feito raro para filmes de terror, conseguiu também estar entre as indicações dos principais prêmios do cinema, entre eles o Oscar concorrendo nas categorias, Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Ator, e vencendo na categoria Melhor Roteiro Original.

Claro que com esse sucesso todo é normal que se pense em uma sequência, sobretudo se considerar os altos ganhos versus o baixo investimento inicial. E Jasom Blum até chegou a cogitar isso há algum tempo, porém agora, em entrevista ao Observer, ele deu para trás afirmando que só gostaria de trabalhar em uma sequência caso Peele estivesse presente na direção e roteiro, porém o diretor já teria dito que não gostaria de fazer isso.

Corra conta a história de Chris Washington, interpretado por Daniel Kaluuya, enquanto ele se prepara para conhecer a família de sua namorada em outra cidade. Embora tenha certeza de que não tem com que se preocupar, Chris ainda se sente um pouco fora do lugar como único homem negro em um ambiente predominantemente branco. Não demora muito para que as preocupações dele se manifestassem, e ele se encontre em uma situação estranha e aterrorizante, com direito a hipnose e outras torturas psicológicas.