Netflix

A Netflix está ganhando cada vez mais concorrentes. Depois do Hulu e do Amazon Prime, a Disney entrou para o mundo do streaming com o Disney+, que chegou no mercado dia 12 de novembro. Contudo, parece que a Netflix não se mostrou abalada com a chegada do novo concorrente.

Durante o Conselho Internacional de Paley Center em Nova Iorque, Ted Sarandos, Chefe Criativo da Netflix comentou sobre o sucesso rápido que o Disney+ teve. Vale ressaltar que em sua semana de estreia, a plataforma de streaming da casa do Mickey Mouse atingiu cerca de 10 milhões de usuários. Tanto que em seu primeiro dia de funcionamento o serviço ficou fora do ar e gerou reclamação dos clientes.

Nas palavras de Sarandos: “Nós estamos competindo com a Disney e todos os outros desde o início. Nada muda para nós, na realidade, nós sempre pensamos no consumidor primeiro e não estamos distraídos pela competição. Nós sabíamos que em algum momento, todo mundo ia entrar nesse negócio”.

Além disso, o executivo falou sobre as vantagens da Netflix sobre as produções da Disney: “Todas as propriedades intelectuais que temos na Netflix que são originais, são criadas. Às vezes, de um universo ou de um livro, ou algo do tipo. Mas não temos universos aos quais nos sentimos presos. Eu acho que o risco de se prender a alguns universos é que eles são como cubos de gelo derretendo aos poucos. Você precisa se reinventar, o que é ótimo. Mas eu gosto da habilidade de se reinventar através das plataformas, através dos universos, através de ideias de conteúdo e programação, sem as restrições de alguns universos compartilhados.”

O Disney+, já está disponível nos Estados Unidos, Canadá e Países Baixos, Nova Zelândia, Porto Rico e Austrália. No Brasil a plataforma de streaming tem previsão de ser lançada em novembro de 2020.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui