Chefe da AMC diz que The Walking Dead ainda tem muitos derivados planejados

Sarah Barnett, presidente de programação da AMC
Sarah Barnett, presidente de programação da AMC (Reprodução/ Twitter)

O universo de The Walking Dead ainda tem “muitas histórias para contar”, falou Sarah Barnett, presidente de programação da AMC Networks. Ela disse ainda que a franquia poderá ter novas adições e spin-offs no futuro. 2020 será um ano especial para a série, que além de encerrar sua décima temporada, inicia o décimo primeiro ano, mas ainda com muito fôlego. Acontecerá ainda a estreia do segundo programa derivado, The Walking Dead: World Beyond, e sexta temporada de Fear The Walking Dead.

“Acho que há muitas histórias para contar neste universo. E eu diria sobre isso o que diria sobre qualquer programa em desenvolvimento na AMC – que é que deve ser excepcionalmente criativo”, explicou Sarah em entrevista à revista Variety. Sob o guarda-chuva da diretora e apresentadora Angela Kang, The Walking Dead teve uma recepção positiva da crítica em suas duas últimas temporadas, e elogiou o trabalho de Barnett. “Alcançou um equilíbrio maravilhoso de apoiar o que estamos fazendo bem em nome dos fãs e também ainda nos desafiando a continuar crescendo”, disse ela.

Scott Gimple, diretor de conteúdo de The Walking Dead, ex-showrunner de cinco temporadas da série principal e co-criador de World Beyond, está agora desenvolvendo os primeiros passos da franquia rumo ao cinema – estrelando Rick Grimes, de Andrew Lincoln – ao lado do criador de quadrinhos Robert Kirkman. Devido à mudança no cenário televisivo e à crescente importância do streaming, Gimple construirá o universo compartilhado com outros projetos não vinculados às ordens tradicionais da temporada de 16 episódios.

“A televisão está mudando, e isso é emocionante, porque podemos contar histórias em outros formatos além das temporadas de 16 episódios. Acho que continuaremos fazendo isso, e temos planos para isso, mas também temos planos para séries mais curtas”, disse Gimple ao The Hollywood Reporter em outubro. “Para minisséries, para coisas que são especiais. E estamos aproveitando não apenas as diferentes histórias que podemos contar, mas os diferentes formatos em que podemos contar”.

“Como este é um mundo tão grande com histórias tão diferentes, seria bobagem não fazer isso”, disse Gimple, sobre intercalar os universos da franquia tanto na TV como no cinema. “Isso também significa que nem tudo o que divulgamos será conectado a algum dos programas existentes. Queremos fazer essas coisas menores que são completamente própriaa. Algumas podem ter três episódios, outras podem ter seis episódios, outras podem ter 12 ou 16”, continuou. A décima temporada de The Walking Dead retorna com novos episódios em 23 de fevereiro na TV americana. No Brasil, a Fox ainda não divulgou a data dos episódios.

bostancı escort