Cinebiografia de Silvio Santos estrelada por Rodrigo Faro já tem data de estreia

Rodrigo Faro e Silvio Santos
Rodrigo Faro e Silvio Santos (Imagem: Reprodução/Instagram)

Silvio Santos – O Sequestro, cinebiografia de um dos maiores comunicadores do Brasil, já tem data para chegar nos cinemas. A Imagem Filmes marcou a estreia para o dia 11 de junho de 2020. Estrelado pelo ator e apresentador Rodrigo Faro, o longa sobre o dono do SBT contará com a direção de Maurício Eça, responsável por “Carrossel – O Filme”.

A trama irá mostrar um dos momentos mais marcante e intensos da vida do apresentador e de sua família, o dia em que ele ficou em sua casa como refém por mais de sete horas. O momento aconteceu em 2001, quando ele já estava passando por uma situação delicada. Semanas antes sua filha Patricia havia sido sequestrada. Nesse dia de muita tensão, o comunicador eleva seus pensamentos a toda sua incrível trajetória, desde quando era apenas um adolescente que ganhava a vida trabalhando como camelô.

Em entrevista concedida a Geraldo Luís, exibida em agosto no “Domingo Show”, da Record, Rodrigo Faro falou sobre a missão de assumir o papel de um grande nome da televisão brasileira. “É a maior responsabilidade da minha vida. Essa altura da minha vida assumir uma bronca dessa… Até quando me fizeram o convite eu pensei muito ‘Será que não é um risco muito grande’, porque Silvio sempre foi, é e sempre vai ser o maior apresentador de todos. E de repente, você ser escolhido para interpretar esse cara na televisão, é uma responsabilidade muito grande”, disse Faro.

O apresentador da Record ainda revelou que só se sentiu confiante para aceitar a proposta depois que recebeu a benção do próprio Silvio. “Ele foi incrível. Ele me recebeu no camarim dele, antes da gravação [do Programa Silvio Santo], bateu um papo comigo e ficamos meia hora conversando e ele disse que iria me responder [sobre o que ele acha do filme] no palco”, contou o ator e apresentador.

Já no palco de seu programa, o dono do SBT disse: “Eu sempre sonhei em ter um filme para mostrar para meus netos, mas agora que o sonho está se realizando, eu estou feliz. Eu pareço o ano novo de felicidade. E saber que eu serei representado pelo garoto de ouro da Record, eu fico mais contente ainda.”

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), apaixonada por literatura, cartas e pela magia do cinema. Escritora de histórias e trajetos dos amores.