Co-criador de Super Choque reage ao episódio do desenho que se tornou viral

Super Choque (Divulgação / DC
Super Choque (Divulgação / DC

Devido à morte de George Floyd por um policial nos Estados Unidos, uma série de protestos se iniciou e nas redes sociais a hashtag #BlackLivesMatter (Vidas Negras Importam, em tradução livre), mesmo nome de um movimento ativista internacional que surgiu em 2013, ganhou destaque. Os protestos virtuais trouxeram diversas cenas de séries que mostram o sofrimento dos negros por conta do racismo, e uma das cenas que ganhou destaque veio do desenho animado Super Choque.

Denys Cowan, co-criador da série animada Super-Choque, foi ao Twitter para expressar sua gratidão depois que um usuário postou um clipe do episódio da primeira temporada, intitulado “Sons of the Fathers”, que rapidamente se tornou viral. “Mais de 49 mil curtidas … eu não fazia ideia que as pessoas se sentiam assim … incrível. Um ponto brilhante em um mundo louco agora”, escreveu Cowan.

Confira a publicação abaixo:

Veja a cena do desenho animado em português:

“Sons of The Fathers” mostra Virgil passando a noite na casa de seu amigo Richie Foley. No entanto, Virgil descobre que o pai de Richie é extremamente racista quando faz várias observações sobre afro-americanos. Quando Richie é sequestrado pelo vilão Ebon, Super Choque, Sr. Foley e Sr. Hawkins precisam trabalhar juntos para salvá-lo.

No desenho animado era comum lidarem com questões sociais, incluindo violência armada. No entanto, este episódio ainda ressoa com os fãs, especialmente com os eventos atuais do mundo.

Baseado no personagem da Milestone Media e da DC Comics, e criado por Dwayne McDuffie, Denys Cowan, Derek T. Dingle e Michael Davis, o programa se concentrou no adolescente afro-americano Virgil Hawkins que, após um acidente, ganha o poder de manipular eletromagnetismo. O elenco de voz contou com Phil LaMarr, Kevin Michael Richardson, Michele Morgan, Jason Marsden e Danica McKellar.

Super Choque foi exibido no Brasil pelo canal SBT entre 2000 e 2004, e atualmente está no serviço de streaming DC Universe. A animação contou com quatro temporadas e 52 episódios.