Courteney Cox diz que Brad Pitt avisou Aniston sobre crush em Jolie antes da separação

Courteney Cox e Jennifer Aniston
Courteney Cox e Jennifer Aniston (Reprodução)

Uma das separações mais faladas, registradas e fofocadas no mundo dos famosos internacionais foi a de Brad Pitt e Jennifer Aniston. Considerado o casal queridinho de Hollywood no início dos anos 2000, eles romperam a relação, e logo a imprensa começou a colocar Angelina Jolie como pivô da situação. Ela havia protagonizado o filme de ação Sr. e Sra. Smith ao lado de Pitt em 2005, e havia boatos de que eles estava se envolvendo, todos esses boatos refutados tanto por Pitt quanto por Jolie, como por Aniston. Porém, agora, anos depois, Courteney Cox, colega de ‘Jeniston’ em Friends, abriu o jogo e disse que o galã chegou a confessar antes da separação que estava desenvolvendo um crush na intérprete da Malévola.

“Não acho que ele tenha começado um caso fisicamente, mas acho que ele se sentiu atraído por ela”, disse Cox em uma entrevista para a revista Vanity Fair. “Havia uma conexão, e ele foi honesto sobre isso com Jen. Na maioria das vezes, quando as pessoas são atraídas por outras pessoas, elas não contam. Pelo menos ele foi honesto sobre isso. Foi uma atração que ele lutou por um período de tempo”, disparou.

Angelina Jolie e Brad Pitt
Angelina Jolie e Brad Pitt (Reprodução)

A separação veio à tona em 2005, e o ex-casal fez questão de deixar claro que nada daquilo tinha a ver com uma possível traição. “Para aqueles que seguem esse tipo de coisa, gostaríamos de explicar que nossa separação não é o resultado de nenhuma especulação relatada pela mídia ou nenhum tabloide”, disseram em comunicado enviado para toda a imprensa na ocasião. Segundo matérias da época, amigos próximos de Aniston e Pitt contaram que eles estavam lutando pela estabilidade do casamento, e que assim permaneceram durante mais de um ano tentando fazer com que suas agendas se encaixassem, mas ao mesmo tempo, fontes próximas diziam que eles queriam encontrar a si mesmos como indivíduos, saindo dos holofotes, e do rótulo de casal perfeito.