Criador do filme Project Power, da Netflix, revela que fez a história já pensando em [SPOILER]

Jamie Foxx e Dominique Fishback em Power (Imagem: Divulgação/ Netflix)

Na última sexta-feira, a Netflix disponibilizou o filme Project Power, que conta com as estrelas Jamie Foxx e Joseph Gordon-Levitt nos papéis principais. A história que fala sobre o tráfico de uma droga sintética criada para emular super-poderes acabou chamando a atenção dos telespectadores de todo o mundo que não demoraram a aparecerem nas redes sociais da Netflix pedir uma sequência do longa, escrito por Mattson Tomlin, mesmo roteirista de The Batman.

Como a Netflix não perde oportunidade de criar grandes franquias, isso é bem possível, e em entrevista o autor explicou que a forma como a história foi criada, foi justamente pensada para que os três personagens centrais se mantivessem intactos no final do longa, justamente para facilitar o enredo para um segundo filme. Vale lembrar que em nenhum momento a história foi explicada, inclusive seus detalhes de como a droga teria surgido, ou mesmo se espalhado.

“O reino animal é tão louco. E há um monte de coisas que criamos que não acabaram no filme que você sabe, verá a luz do dia se tivermos a sorte de fazer uma sequência. Acabamos onde acabamos, em grande parte porque queríamos poder ir a algum lugar caso tivéssemos a sorte de fazer uma sequência. Para mim, Power é uma lenda urbana e as pessoas não têm certeza. E isso significa que há uma oportunidade muito emocionante. Como o mundo muda quando todos sabem que isso existe? Isso mudará a estrutura de como toda a vida é potencialmente vivida. E eu acho que é um lugar muito legal para ir”, explicou o escritor. Em entrevista ao The Hollywood Reporter ele falou sobre como aconteceu a criação do filme.

“Comecei a escrevê-lo no final de 2016, terminei no início de 2017, uma primeira passagem. Foi rápido. Vendemos para a Netflix em outubro de 2017 e estávamos em produção em outubro de 2018. É uma reviravolta muito, muito rápida. Foi um turbilhão incrível de ficar sentado em um café fazendo isso sozinho para, de repente, chegar o primeiro dia de produção e eu estou cercado por 400 pessoas que estão fazendo este filme”, disse.

ankara escort