Erica Durance e Tom Welling como Clark Kent e Lois Lane em Crise nas Infinitas Terras (Divulgação)

Finalmente chegou o momento que muitos fãs dos quadrinhos esperaram. Prometendo muito o crossover da CW de Crise nas Infinitas Terras estreou no último domingo (08), com grande repercussão. Na história, enquanto alguns membros da equipe vão viajar para o Poço de Lázaro na tentativa de ressuscitar Oliver Queen (Stephen Amell) que morreu no primeiro episódio, outros preferem procurar por Batman (Kevin Conroy). Já Clark (Tyler Hoechlin), Lois (Bitsie Tulloch) e Iris (Candice Patton) vão para a Terra de Smallville para tentar salvar o Clark de lá (Tom Welling) de se tornar uma nova vítima de Lex Luthor (Jon Cryer). 

O showrunner da atração, Marc Guggenheim, revelou ao site TV Guide que Lex chegaria para cima de Clark, sendo este completamente impotente já que deixou de ser um herói. Parece que desde a última vez que o público viu Clark na finada série da WB (canal extinto em 2006), ele desistiu de seus poderes e aposentou o traje para passar seus dias na fazenda Kent com Lois (Erica Durance) e suas filhas. A produtora executiva da série Batwoman, Caroline Dries, explicou que muito se refletiu sobre como acompanhar a iteração do Superman de Welling. 

“Tivemos conversas sobre de que forma seria melhor ver o Clark de Welling novamente, e sabíamos que queríamos muito ver o Clark interpretado pelo Brandon Routh trabalhando no Jornal Planeta Diário. Sempre que pensamos do Welling lembramos dele na fazenda, então acho que faria muito mais sentido se ele aparecesse na fazenda. E tudo aquilo pareceu algo de 10 anos atrás, de uma forma excelente. Para nós, parecia natural. Esse é o tipo de ambiente onde ele realmente estaria”.  

Já Welling, apoiou totalmente a decisão de reviver Clark, dessa vez como um homem de família, e sem seus poderes. “Honestamente, ele foi fantástico”, disse Guggenheim sobre sua reação. “Você sabe, nós ligamos para ele e basicamente mostramos tudo para ele. Na verdade, a cena que Don [Whitehead] e Holly [Henderson] escreveram já havia terminado. Então, enviamos por e-mail para ele e ele disse: ‘Eu amo isso … Vocês basicamente escreveram a única cena que eu não posso dizer não’, o que foi muito, muito legal”.

Quanto à presença do Lex de Smallville, o ator Michael Rosenbaum recusou a proposta para reviver o papel nas Crises, o que fez com que Jon Cryer, de Supergirl, fosse chamado para assumir tal responsabilidade, que ele revela ter tido bastante cuidado.

“Eu estava animado porque amava Smallville, e realmente foi uma série que mudou a forma como se tratam personagens de super-heróis na televisão”, disse Cryer ao TV Guide. “E Michael Rosenbaum é um Lex Luthor incrível. Esse é um Lex muito diferente que Tom Welling está encontrando. Nós até dizemos isso na cena! Ele fala algo como  ‘Você não é Lex’. Morremos de rir durante a gravação. Na verdade, existe uma versão mais engraçada da cena que foi cortada na sala de edição. Nos divertimos muito e eu percebi que ele estava gostando de voltar a viver o Superman”.

Cryer não deu nenhum spoiler, e nem revelou o motivo de o Monitor (LaMonica Garret) ter trazido Luthor à vida novamente. “O que é loucura é … ele ainda não se torna importante pelo motivo que você acha que ele se tornará importante. É por algo completamente diferente”, brincou o ator. “Eu posso lhe dizer que há mais dele por vir, e fica pior. Por mais irritado que você esteja com ele até agora, fica ainda pior.”

Crise nas Infinitas Terras continua em The Flash nesta terça-feira, 10 de dezembro. O evento retornará depois do hiato de fim de ano para sua conclusão, com episódios consecutivos de Arrow e Legends of Tomorrow na terça-feira, 14 de janeiro.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui