Chambers
Chambers (Imagem: Divulgação)
  • por Victor Hugo Morais

Na semana passada, a Netflix chocou zero pessoas com o cancelamento de Chambers, série mega esquisita que tem no elenco Uma Thurman, também uma das produtoras.

A atração foi disponibilizada em abril, e não repercutiu. Como tem uma história que pelo menos baseada na sinopse parece ser interessante, resolvi maratonar – também por ter Uma no cast – e tentar entender o motivo do cancelamento, haja vista que nos últimos tempos a Netflix tem chateado fãs ao suspender produções festejadas como One Day at a Time.

Até metade de Chambers, a sensação é a de que a Netflix errou, pois a história aparenta ter condições de ser renovada. Mas chega um ponto em que a trama fica sem pé nem cabeça.

Vamos por partes. Sasha passa mal e precisa de um transplante de coração, e a família da recém falecida Becky a salva fazendo a doação de órgãos. Então, a família de Becky se aproxima de Sasha e ela passa a repetir gestos e atitudes da falecida jovem, percebendo estar sendo influenciada pelo espírito dela, inclusive a fazer maldades. Sasha entende que precisa esclarecer o que de fato aconteceu na morte de sua salvadora, acreditando que assim pode ter paz.

Só com boa vontade para engolir o que vem agora…

Porém, ela descobre que a filha de Nancy fazia parte de rituais e havia ingerido coisas, influenciada por seu pai, o culpado por tudo. É aí que ele acaba assassinado por Nancy, que “pira da batatinha” e é internada com seu filho, enquanto Sasha desaparece e… Becky assume o corpo dela?!

Como citado antes, chega um ponto em Chambers que é difícil engolir a história. Nada mais faz sentido. E a questão que vem é: como Uma Thurman aceitou fazer parte disso? E ainda como produtora?

A Netflix pode errar muito ao abrir mão da continuidade de suas séries, mas nesse caso não há o que dizer. Perda total de tempo conferir os episódios.

Ao invés de terem produzido algo tão sofrível, teria sido mais útil a encomenda de uma nova temporada de One Day. Prioridades Netflix, prioridades!

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui