Crítica: ESTA série é maravilhosa e você precisa dar uma chance

Rachel Brosnahan em cena de The Marvelous Mrs. Maisel (Imagem: Reprodução)

Nada como opções divertidas e, portanto, mais leves neste isolamento social proposto para tentar conter o avanço do novo coronavírus pelo mundo. E neste momento, uma boa indicação é a série Marvelous Mrs. Maisel, uma das atrações do Amazon Prime Video.

Não por acaso, a tradução do título é Maravilhosa Senhora Maisel. O enredo mostra a vida de Miriam Maisel, uma mulher casada e insatisfeita com sua atual situação. Ela vê o marido tentando emplacar no mundo do stand-up, e é quando resolve que ela também merece se arriscar no segmento.

Depois de muitas portas fechadas, deboche, machismo, e todas as situações que uma mulher que tenta vencer na vida sofre – ainda mais em um ofício em que os homens dominam -, Miriam começa a se destacar no mercado e passa a ser chamada pelas melhores casas de show. Causando até inveja e, portanto, novos conflitos ao longo dos episódios.

Mas ela não é o único destaque. Tem ainda o marido, que se torna ex, apesar de nunca deixarem verdadeiramente de se gostar. Os pais, que ao longo do tempo também enfrentam caos consecutivos, os sogros, amigos e, especialmente, uma parceira que é outro achado na série, a personagem Susie Myerson, vivida pela atriz Alex Borstein, que cativa com seu jeito durão em meio a um coração gigantesco.

A Amazon Prime Video já disponibilizou três temporadas da atração. A mais recente, completíssima, chegou no finalzinho do ano passado. Ou seja, antes de todo esse caos que culminou na interrupção das gravações das séries e filmes que estavam sendo produzidos em 2020. Da mesma forma, lançamentos dos cinemas foram adiados.

Ah, um detalhe importante sobre a Maravilhosa Senhora Maisel, é que Miriam Midge Maisel é realmente engraçada, espirituosa e sagaz. Quando percebe que o público não está gostando das piadas, sempre arruma um jeito de dar a volta por cima e cativa a plateia, debochando da própria vida e de pessoas próximas. E sempre funciona! Fica a dica!

Jornalista especializado em entretenimento, consumista de streaming e cinemaníaco de carteirinha.