eliza-taylor-the-100-season-2-finale-part-1

The 100 ficou para 2016, o que não quer dizer que a CW está desprestigiando a série. Mark Pedowitz, presidente do canal, afirmou hoje (14) no evento de upfronts que não houve outro motivo para tal decisão que a falta de espaço na grade da fall season para encaixar a série.

Com isso, o executivo espera que a longa pausa dê à The 100 a chance de aumentar a sua audiência em função da espera.

“Tivemos que fazer algumas mudanças para encaixar algumas séries. Sentimos que The Vampire Diaries e The Originals formam uma boa combinação nas terças, e precisávamos melhorar a grade das quintas. Também sentimos que o melhor lugar para Crazy Ex-Girlfriend era nas segundas.”, disse Pedowitz.

Sobre a pausa de The 100 até a midseason, Pedowitz disse que ele espera que a série possa finalmente ter o mesmo ‘nível de aclamação que Breaking Bad’ (???). A AMC deixou uma grande pausa entre as temporadas 3 e 4 da série de Walter White, e isso fez com que a audiência aumentasse consideravelmente nas duas últimas temporadas da série.

Pedowitz também afirmou que The 100 é ‘uma das séries favoritas dos clientes da Netflix’, que agora contam com a oportunidade de acompanharem a história nas duas primeiras temporadas pela plataforma. Além disso, a terceira temporada ainda não tem o número de episódios encomendados fechado – ou 13 ou 16 episódios -, mas sabemos que toda a temporada será exibida na sequência, sem pausas.

Por fim, Pedowiz afirmou que “está feliz em ter uma série como The 100 na midseason”.

Via

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui