DC FanDome: primeiras novidades de Justiça Jovem na temporada

Justiça Jovem (Divulgação)

Nem só de séries live-actions e filmes se alimentam os fãs da DC, e eles tiveram uma grata surpresa no último sábado, 12 de setembro durante o DC FanDome, pois a Warner Bros. anunciou que o desenho animado Justiça Jovem (Young Justice) ganharia uma nova temporada. Durante o painel próprio do programa, os produtores revelaram o novo subtítulo: Phantoms, assim como o novo logotipo do programa.

Eles não revelaram, no entanto, se a série animada continuará sendo exclusiva do serviço de streaming DC Universe, ou se migrará para a HBO Max assim como Patrulha do Destino. Para completar, nenhum detalhe sobre o enredo foi mencionado pelos idealizadores. O elenco usou o espaço para fazer uma leitura de roteiro que contava com uma história que se passava entre os eventos de Outsiders (nome da temporada anterior), e Phantoms.

Justiça Jovem/ Young Justice em logo de nova temporada
Justiça Jovem/ Young Justice em logo de nova temporada (Reprodução)

A história de Justiça Jovem

Na história, Superboy (Nolan North) e Miss Marte (Danica McKellar) deixam a equipe para trás para embarcar em uma jornada própria. Enquanto isso, Artemis (Stephanie Lemelin) convida Arsenal a se juntar novamente ao grupo. O Arsenal aceita. Ele havia saído do grupo na segunda temporada, e ido para um outro caminho ao perceber que os amigos estavam em conformidade com sua substituição por uma espécie de clone.

A temporada anterior viu todo o grupo se fragmentar.  Mutano decidiu sair da equipe, assim como outros membros que criaram um novo grupo chamado Outsiders.De acordo com a sinopse da temporada anterior, os super-heróis adolescentes estava diante de seu maior desafio, lidar com o tráfico de meta-humanos, e todas as consequências que essa pratica criminosa criava para o mundo, incluindo uma corrida armamentista e genética que abrange todos os países.

Enquanto nos Estados Unidos, o desenho se tornou cultuado ao ter suas temporadas exibidas pelo Cartoon Network, sendo cancelado, e depois ressuscitado pelo DC Universe, no Brasil ele só pode ser assisto pela Netflix, que disponibilizou apenas suas duas primeiras temporadas.