De Volta Para o Futuro: Roteirista rejeita novo filme e explica motivo

De Volta Para o Futuro
De Volta Para o Futuro (Divulgação)

O autor e roteirista dos filmes da franquia De Volta Para o Futuro, Bob Gale não quer mesmo saber de fazer uma nova sequência ou remake para seguir a atual modinha de Hollywood. Ele anteriormente, e falou novamente sobre sua aversão nesse tipo de coisa, dizendo que a narrativa original tem tantas coisas que a tornam especial, que tentar a força replicar este sucesso, daria bastante errado. O filme será lançado no formato 4K em outubro, o que fez com que Gale conversasse com o site ComicBook.com sobre os pedidos constantes de um remake.

“Aquilo que as pessoas nem sempre entendem sobre De volta ao futuro é o que realmente o fez funcionar, porque as pessoas dizem: ‘Oh, vamos fazer uma série de viagem no tempo.’ Bem, ok, séries de viagem no tempo são realmente difíceis de realizar. De volta Para o Futuro funciona porque é a história desta família, e a viagem no tempo é um elemento dela, mas você está totalmente com esses personagens. É uma dramatização fantástica de um momento que todo ser humano tem em sua vida, que é o momento em que somos crianças e de repente percebemos: ‘Oh, meu Deus, meus pais também já foram crianças.’ Quando você tem cinco ou seis anos de idade, olha para seus pais e eles são essas figuras divinas, e eles não envelhecem, pelo que você pode dizer. Eles devem ter sempre estado lá, e então, de repente, quando você tem sete, oito, nove anos, de repente começa a entender que, ‘Meus pais já foram crianças'”, começou ele.

Ele continuou: “Esse é o poder de De Volta Para o Futuro. É a coisa humana. Não é a logística de viajar no tempo porque, francamente, você vê uma série de viagens no tempo, tantas coisas que fizeram na televisão quanto coisas que eles fizeram nos quadrinhos e caíram na armadilha de usar a viagem no tempo como um mecanismo de enredo”, disse o autor, que embora não queira fazer novos filmes disse que os fãs sempre podem procurar novas histórias dos personagens em outras mídias.

“IDW fez uma série de quadrinhos que é muito, muito boa. Fui um consultor nisso. Todas elas foram reimpressas em histórias em quadrinhos agora, então, para aqueles que querem mais De Volta Para o Futuro, e que realmente se relaciona com o cânone, eu recomendaria isso. Telltale fez um jogo de videogame em 2011, e novamente, fui um consultor. Essa é uma [história] muito, muito boa que merece o nome De volta Para o Futuro. Fizemos duas temporadas de desenhos animados nas manhãs de sábado para a CBS, então esses produtos estão por aí, e são muito bons”, finalizou.