Depois de abertura comemorada, cinemas chineses têm fechamento relâmpago; entenda

Mulan 2020

Os chineses não estão tendo um ano fácil, e depois de verem os cinemas por lá, reabertos eles precisaram lidar com a frustração de ver as salas fechadas novamente. Com o COVID-19 controlado no país, os cinemas chineses começaram a reabrir na segunda-feira, 20 de julho, gerando um lucro de mais de 1 milhão de dólares nos dois primeiros dias. Mas nesta quinta-feira, 23 de julho, autoridades da cidade de Dalian fecharam novamente as salas sem nenhum aviso prévio depois de encontrarem novos casos da doença. Tudo começou quando um funcionário de 58 anos de uma empresa de frutos do mar foi diagnosticado com o vírus, e descobriu-se ao testar seus contatos próximos, mais 12 pessoas assintomáticas.

Cinemas, lojas foram fechados na região, e linhas de ônibus pararam imediatamente de circular. Os filmes programados para serem exibidos na quinta-feira foram todos cancelados, e a bilheteria está suspensa para todos os cinemas de Dalian, que reembolsarão os clientes. Postos avançados locais da cadeia de cinema Wanda deveriam começar a reabrir na sexta-feira, 24 de julho. Até a manhã de quinta-feira, eles já tinham vendido mais de 9 mil ingressos, que agora devem ser reembolsados. As autoridades não disseram quando esperam poder voltar a abrir as salas.

Os encerramentos ocorrem quando dezenas de filmes estão agendando datas futuras de lançamento, mesmo que a maioria sucessos já conhecidos pelo público como o vencedor do Oscar, 1917, Sonic: O Filme, Dolittle e Bloodshot, que entrariam em cartaz por lá nas próximas semanas. Dalian, lar de quase sete milhões de habitantes, planeja testar 190.000 de seus cidadãos em um esforço para conter o surto potencialmente crescente. Museus, centros culturais, cafés, e locais turísticos internos também foram temporariamente fechados. A China reportou 22 novos casos de COVID-19 em todo o país na quarta-feira, contra 14 novos casos notificados no dia anterior. O país teve um total de 83.729 casos confirmados de coronavírus até quarta-feira, com um número de mortos de 4.634.

ankara escort