Depois de cometer gafe, Halle Berry abandona papel em novo filme

Halle Berry como Sofia em John Wick 3
Halle Berry como Sofia em John Wick 3 (Divulgação)

Halle Berry iria interpretar um homem trans em seu próximo filme, mas acabou pedindo demissão do papel, depois de refletir sobre o significado disso, e de receber inúmeras críticas. Através de um tuíte, a atriz pediu desculpas nesta segunda-feira, 06 de julho, por seus comentários recentes sobre o potencial de viver um personagem deste tipo.

Berry foi criticada por seus comentários em uma entrevista ao vivo no Instagram na última sexta-feira, 04 de julho, onde discutiu seus preparativos para um próximo papel no cinema. Ela confundiu sua personagem várias vezes durante a entrevista, não sabendo diferenciar conceitos entre gênero, e sexualidade, o que atraiu críticas nas redes sociais, incluindo alguns astros de Hollywood, como a equipe por trás do documentário Disclosure: Trans Lives on Screen da Netflix.

“No fim de semana, tive a oportunidade de discutir minha consideração sobre um próximo papel como homem trans, e gostaria de me desculpar por essas observações. Como mulher cisgênero, agora entendo que não deveria ter considerado aceitar esse papel e que a comunidade de transgêneros deveria inegavelmente ter a oportunidade de contar suas próprias histórias”, disse Berry no Twitter.

“Sou grata pelas orientações e conversas críticas dos últimos dias e continuarei a ouvir, educar e aprender com esse erro. Juro ser uma aliada no uso da minha voz para promover uma melhor representação na tela, tanto na frente quanto atrás da câmera”.

Berry não chegou a contar qual era o filme para qual havia sido convidada, na qual o tal personagem teria aparecido. Ela observou na entrevista ao vivo no Instagram que estava se preparando para o papel, mas não havia sido oficialmente escalada pela direção. O último papel da atriz no cinema foi como Sofia de John Wick 3, no qual ela revelou ter tido um treinamento insano: “Fisicamente, foi o treino mais difícil que eu já tive para um filme, provavelmente na minha vida inteira. Eu fui ginasta na infância e eu não lembro de sentir como eu me senti. Talvez alguns anos tenham se passado, então se tornou mais difícil (risos). Tivemos treinos de artes marciais, com armas de fogo, treinamento com cachorros e eram coisas que fazíamos todos os dias. Era minha vida por cerca de seis meses”.

bostancı escort