Rolland Emmerich no set de Independence Day 2
Rolland Emmerich no set de Independence Day 2 (Divulgação)
ANÚNCIO

O diretor de Independence Day, Roland Emmerich, falou novamente sobre seu filme, e suas ideias originais para o longa de 2016, ideias essas que acabaram não se concretizando por causa da ausência da principal estrela do filme, Will Smith. O diretor que ainda lamentou ver a Fox, estúdio em que trabalhou ser comprado pela Disney, falou sobre a indústria de Hollywood atual e revelou qual tipo de filme de super-herói se arriscaria a dirigir.

Segundo ele, os filmes de herói nunca lhe atraíram muito pelo simples fato de as histórias em quadrinhos não terem sido parte de sua rotina e de sua infância, com isso, ele acabou não desenvolvendo nenhum tipo de conexão com os personagens de sucesso.

“Bem, eu cresci na Alemanha. Não fui criado com quadrinhos, quase não vi quadrinhos. Se vi alguns quadrinhos, eram Asterix e Obelix, que era uma história em quadrinhos francesa, ou coisas assim. Mas eu gosto de filmes de quadrinhos quando eles meio que não são serializados. Algo como Coringa por exemplo, que eu amei ou algo como Logan. O primeiro Homem de Ferro eu amei. Mas quando se trata de reunir todos esses super-heróis, eu fico só olhando, porque eu simplesmente não cresci com esses personagens, então eu realmente não me importo”, disse ele em entrevista ao site ComicBook enquanto promovia o lançamento doméstico de Midway – Batalha em Alto Mar.

Contudo, é praticamente impossível deixar de associar um filme de herói ou não, que tenha ido bem nos cinemas, arrecadando alta quantia a uma possível sequência. Sobre os dois filmes citados pelo diretor, uma sequência de Coringa está sendo ensaiada, ainda sem confirmação, enquanto Logan foi impossibilitado pela morte do personagem principal.

“Se alguém faz um filme baseado em quadrinhos que realmente conta algo, como Coringa, que realmente diz sobre nossa frustração com a sociedade e como maltratamos as pessoas, é muito nobre pra mim”, disse ele que só dirigiria um filme assim caso houvesse uma grande mensagem por trás.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui