Diretor de Vingadores: Ultimato explica importância da morte da Viúva Negra

Viúva Negra (Divulgação)

O final de uma saga tão grandiosa como Vingadores, certamente deixaria alguns choques nos fãs, e foi o que aconteceu não só com a morte de Tony Stark (Robert Downey Jr.), mas também a morte de Natasha Romanoff, a Viúva Negra (Scarlet Johansson) que se sacrificou pelo grupo para tentar restaurar o universo e derrotar Thanos (Josh Brolin). 

Em entrevista à revista Entertainment Weekly há algumas semanas a atriz admitiu que a morte da personagem seria muito mais chocante do que se viu na tela, e que o corpo dela seria coberto por criaturas no estilo dos dementadores de Harry Potter, que devorariam sua carne. “Eu estava pensando: ‘Os pais nunca vão nos perdoar pela aparência dessas criaturas’”, disse ela, fazendo com que os diretores amenizassem a cena final. 

O co-diretor do filme Joe Russo, explicou o motivo da decisão de matar Natasha. “No começo de Vingadores: Ultimato, Natasha quer voltar no tempo, porque sente que era a conexão mais forte que já teve em sua vida. Ela recebeu uma escolha, que era dar a própria vida para trazer todas as pessoas de volta, e ela faz isso. Este é o momento mais heróico da história do Universo Marvel”.

“Deveríamos falar sobre como esta é a primeira personagem feminina importante do MCU (Universo Cinematográfico Marvel). Tomamos essa decisão de ânimo leve. Ela não está lutando para salvar a família Clint, como vi algumas pessoas dizendo, ela está lutando para salvar a própria família que construiu”, explicou o co-roteirista Stephen McFeely sobre o sacrifício da personagem.

Tudo isso voltou à tona por causa da aproximação com o lançamento do filme solo da Viúva Negra, uma aventura que se passa anos antes do ocorrido em Ultimato. O roteirista Christopher Markus já falou sobre esse sentimento pró-Natasha, em entrevista no no passado. 

“Se fosse o Clint [a se sacrificar], seria uma batida trágica, porque ele quer voltar com sua família e isso o impediria. Com Natasha, é triste, mas é uma coisa profundamente heróica. Ela passou ao pico absoluto do heroísmo. É mais satisfatório, e monumental. Se fosse o Clint seria apenas ‘oh ok’”, disse ele. Muitos fãs acreditam que a personagem pode voltar à vida após Viúva Negra.