Diretora da animação Abominável revela sua inspiração para o filme; entenda

Abominável
Abominável (Foto: Reprodução/Youtube)

A nova animação da DreamWorks, Abominável, ganhou trailer nesta última quinta-feira (23), e vai contar a história de uma adolescente chamada Yi. Ela encontra um yeti na cobertura do prédio que mora, em Xangai, então a jovem parte para uma aventura ao lado de seus amigos, para levar a criatura de volta ao seu lar, no Monte Everest. A diretora do longa, Jill Culton, conversou com o site Omelete, e falou sobre as inspirações que usou para a produção, que estreia no dia 26 de setembro.

“Como em E.T.: O Extraterrestre, quis que uma garota comum encontrasse uma criatura extraordinária para que o público terminasse o filme pensando ‘uau, talvez yetis REALMENTE existam, quem sabe um dia eu encontre um!’. O longa tem componentes mágicos que se desenvolvem de forma ampla e caprichosa. Essa aventura incrível acontece a um grupo de crianças comuns, sinto que isso dá embasamento para deixar a magia acontecer sem desfazer nossa conexão com a realidade ou com esses personagens”, falou.

Monstros S.A

Ela já trabalhou na produção do filme Monstros S.A, que tem uma certa similaridade com seu novo filme, porém, negou que Abominável tivesse algumas inspiração com o filme da Pixar. “Na verdade, não [risos]; embora eu tenha amado fazer parte da criação dele. Ironicamente, em Monstros S.A. nós trabalhamos com a premissa de que quando monstros assustam crianças, eles voltam para seu armário e batem cartão… É seu trabalho! O mundo dos monstros era uma realidade à parte e a CRIANÇA era o ‘alienígena’ para eles. Abominável se passa em nossa realidade humana”, explicou.

Segundo ela, o núcleo familiar é a chave da jornada dessa animação. “Há temáticas fortes em relação à família. No início, descobrimos que Yi é uma adolescente comum. Está sempre na correria, mas percebemos que ela está se distanciando de sua mãe e avó propositalmente. Essa desconexão com sua família é algo que todos nós podemos nos relacionar às vezes. Estamos constantemente buscando por essa conexão e é por isso que torcemos pela garota”, contou ainda.

Comentários