Disney+ pode chegar mais cedo no Brasil

Disney Plus logo
Disney Plus logo (Reprodução)

O Disney+ foi lançado em novembro deste nos Estados Unidos, Canadá, Nova Zelândia, Austrália, Países Baixos e Porto Rico. O serviço de streaming só chegaria no Brasil em novembro do ano que vem. Contudo, segundo informações do site Filme B, o lançamento do serviço pode ser adiantado para agosto aqui nas terras tupiniquins.

Em uma entrevista para na CCXP 2019, o presidente da Marvel Studios, Kevin Feige, falou sobre o que podemos aguardar de futuras produções da empresa para a casa do Mickey Mouse. Feige disse: “Estou na Marvel há quase 20 anos. Sei que pareço bem jovem, mas estou aqui há quase 20 anos e ser capaz de construir o MCU, com 23 filmes interligados foi incrível”.

E continuou: “Depois de Ultimato começamos a pensar: o que podemos fazer depois? Há Shang-Chi, os Eternos, Viúva Negra e tudo isso, mas o Disney+, que chega ao Brasil no próximo ano, é uma oportunidade de contar histórias ainda mais profundas de personagens que todos já conhecem e amam, como Falcão e o Soldado Invernal, WandaVision, Loki, de uma nova forma que nunca fizemos antes”.

O presidente na Marvel concluiu: “Já começamos a gravar duas séries e elas são muito especiais. Pela primeira vez estamos entre plataformas, com séries que vão se conectar com os filmes. É empolgante expandir o MCU”.

Quando o Disney+ foi lançado, o servidor enfrentou sérios problemas devido ao grande número de acessos e ficou um bom tempo fora do ar até a empresa normalizar a situação.

O serviço já conta com diversas atrações da próprias Disney, assim como da Fox, LucasFilm e Marvel. O acervo já conta com 500 filmes e mais de 7,5 mil capítulos de séries. Um dos principais destaques é o seriado O Mandaloriano, baseado na franquia Star Wars. O drama Togo, com Willen Dafoe, será lançado no serviço dia 20 de dezembro.

Formado em administração e psicologia. Adora cartoons, animes e series animadas. Atualmente faz curso de desenho com especialização em cartoons.

bostancı escort