Disney quer Homem-Aranha em nova série, mas depende da aprovação da Sony

Tom Holland como Homem-Aranha (Imagem: Divulgação)

Mesmo em período de quarentena, a Marvel não para de trabalhar e já está pensando no máximo possível de produtos que estarão disponíveis no Disney Plus, streaming da Casa do Mickey Mouse que abrigará o conteúdo do estúdio. Sem anúncio oficial, a indústria especializada aposta forte que a empresa esteja preparando uma série para Ironheart, e assim apresentar o filho de Tony Stark (Robert Downey Jr.), conquistando uma vaga de herói.

O próprio Downey Jr., que disse que estava fora definitivamente do MCU (Universo Cinematográfico da Marvel) revelou em entrevista que gostaria que Ironheart fosse seu substituto, e ele pode inclusive aparecer em flashbacks (de cenas já gravadas e não utilizadas nos filmes) ou mesmo em aparições virtuais feitas através de hologramas.

O ponto mais interessante disso tudo é o levantado pelo site We Got This Covered, que afirmou com todas as letras que existe um movimento na Marvel Studios que quer inserir no roteiro uma participação do Homem-Aranha. O protegido de Tony teria papel fundamental na formação do filho do herói, tentando inclusive retribuir tudo o que lhe foi feito no passado.

Mas existe um problema chamado Sony Pictures, que detém os direitos autorais sobre o personagem, e estabeleceu uma cláusula no contrato de partilha do personagem, que ele só poderia aparecer nos filmes da Marvel, e não em demais produtos como séries de televisão ou de streaming. Vale lembrar que o próprio intérprete do Peter Parker, Tom Holland teve papel fundamental nas negociações sobre direitos do personagem, ao pedir que o ex-CEO da Disney, Bob Iger marcasse uma reunião com os executivos da Sony, e consequentemente torna-lo parte dos dois estúdios. Ou seja, caso Holland queira fazer parte da série, ele certamente não mediria esforços, embora já tenha declarado que adoraria fazer parte de WandaVision, também pertencente à nova safra de séries Marvel-Disney.