Em vídeo fofo, Dwayne Johnson tenta convencer a filha que ele é o Maui de Moana

Maui do filme Moana (Reprodução / Disney)
Maui do filme Moana (Reprodução / Disney)

Dwayne “The Rock” Johnson é um dos atores mais carismáticos de Hollywood, e claro que ele transmitiu isso para seu personagem Maui, da animação Moana da Disney, e o semideus se tornou um dos destaques do filme. Uma das melhores canções do filme é De Nada, que é cantada por Johnson. Em um vídeo muito fofo publicado no Instagram, o astro canta para sua filha e tenta convencer ela de que ele é o Maui.

https://www.instagram.com/p/CAqXwJ5nZkx/

Moana estreou nos cinemas em 2016, e conta a história de uma jovem que tem a missão de cruzar o oceano para devolver uma jóia chamada Coração de Te Fiti para seu verdadeira dona e impedir que a vida no mundo seja destruída. O longa metragem teve direção de Ron Clements e John Musker. O elenco de voz foi formado por Dwayne Johnson, Auli’i Cravalho, Jamaine Clement, Nicole Scherzinger, Temuera Morrison e Rachel House.

No Rotten Tomatoes, Moana conseguiu 95% de aprovação da crítica e 89% de aprovação do público, enquanto no IMDb conquistou a nota 7,6 / 10. Veja abaixo outras avaliações da animação:

“Algo novo na animação é o brilho trazido ao oceano, combinado com a criação de uma sensação de um composto sólido e fluido, como mercúrio líquido, com a luminescência adicionada. Um atordoante visual” – Debbie Lynn Elias, Behind The Lens.

“Moana é uma das imagens mais lindas que a Disney já produziu. Não importa o ataque de impressionantes conquistas técnicas … Moana é uma animação de design brilhante” – Chris McCoy, Memphis Flyer.

“Moana traz esperança para nossas jovens. Esta princesa da Disney (que não se vê como uma) responde a um forte testamento de que você não precisa de um homem para ser uma mulher forte” – Christie Cronan, Raising Whasians.

“Seu estilo de animação é acolhedor, convidativo e apresenta um padrão de cores exuberantes, adequado às suas raízes polinésias; seus personagens são charmosos e cheios de personalidade; e as músicas são altas e cativantes, ao mesmo tempo inspiradoras e engraçadas” – Steven Prokopy, Third Coast Review.