Entenda briga entre diretor e produtores do reboot de Hellboy

Hellboy
Hellboy (Divulgação)

O novo filme do Hellboy está em cartaz, nos cinemas brasileiros, e é estrelado por David Harbour. O longa, que estreou na semana passada, já está sendo massacrado pela crítica, e a tensão vem desde os bastidores. O diretor Neil Marshall entrou em bastante conflito com Lawrence Gordon e Lloyd Levin, dois dos produtores.

Esses confrontos criativos incluíram também o protagonista e a direção de fotografia, de acordo com uma matéria do The Wrap. Um dos conflitos foi que o diretor havia chamado seu fotógrafo de costume, Sam McCurdy, para trabalhar com ele, porém, o profissional foi demitido porque sua visão não combinava com a do estúdio, então ele foi substituído por Lorenzo Senatore.

Mais discussões

Outra discussão envolveu o visual de uma árvore simbólica, na história. O diretor queria mais assimétrica, e Gordon e Levi, os produtores, insistiram em um design simétrico. No fim de tudo, diversas ideias de Marshall foram descartadas ou alteradas pela produção. Além de David Harbour, o elenco ainda conta com Milla Jovovich, que faz Ganeida, Daniel Dae Kim, como o Major Ben Daimio e Sasha Lane, como Alice Monaghan, interesse amoroso do anti-herói.

David, o xerife Jim Hopper, de ‘Stranger Things’, deu uma entrevista para o Metro Internacional, e falou sobre as diferenças desse filme e do anterior.Para mim, este tem uma cartela de cores mais sombria. Ele é também um pouco mais violenta e mais jovem. Não se trata de um prequel, mas ele é mais novo e tem uma personalidade de adolescente. É ainda o mesmo personagem, ele ainda usa humor quando está desconfortável, mas acho que ele é diferente. É difícil comparar. É o mesmo personagem, mas em duas versões”, opinou.

bostancı escort