A Fazenda 13: Solange Gomes choca ao dizer do que já trabalhou

Solange Gomes é cheia de histórias inusitadas ao longo de sua vida na TV e fora dela. Em conversa com os peões de A Fazenda 13, a ex-modelo disse que precisou trabalhar em uma boate de stripper, grávida da primeira e de sua única filha.

“É um desespero você se descobrir grávida sem um real na conta, não tinha um real. Não era contratada [do SBT] recebia  cachê. Não tinha dinheiro para nada. Comecei a fazer uns shows da ‘Banheira’ grávida, mas não podia. Um risco danado. Não queria estar ali, porque grávida quer estar em casa dormindo, com conforto”, falou.

Na sequência, ela revelou detalhes de como agia com as meninas que trabalhavam ao seu lado. “Falava assim [para as meninas da casa]: ‘Vocês vão botar um biquíni hoje e vocês vão ser as musas da banheira’. Mas que nada, eu não queria entrar porque não queria me machucar. No primeiro dia, deu certo o truque. No segundo, ele [o contratante] me chamou e falou: ‘Ou você faz direito ou tem que devolver o dinheiro’. Perguntei o que ele sugeria, aí fiz strip, quatro dias, para não ter que devolver o dinheiro, grávida”, revelou.

Carnaval

Não é a primeira vez que a peoa relata acontecimentos inusitados, recentemente ela disse que foi paquerada por um diretor de escola de samba no Rio de Janeiro. Além do mais, ela disse que Carnaval é uma festa que as pessoas fazem de tudo para aparecerem.

“Traumatizar, não. Tinha um diretor lá que cismou queria ficar comigo. Um diretor da escola. E eu não tinha interesse, né, por vários motivos. Ele era casado, não me atraía, não queria. Aí começou uma perseguição, sabe. Eu subia no palco e ele falava para não sei quem para eu descer, uma das coisas. Para eu passar vergonha, sabe? É. Aí, eu chegava na quadra, quando eu ia entrar no camarote, você imagina eu, que estava na escola já 20 anos, eu ficava na porta do camarote para me liberaram uns 15 minutos. Eu passando a maior vergonha, cheio de imprensa e ele lá dentro rindo. Umas coisas assim, sabe Day”, desabafou.

Ao concluir o assunto, a ex-banheira de Gugu comparou as histórias do Carnaval com as situações do reality. “É igual aqui, […] um querendo ser melhor que o outro, um querendo derrubar o outro para subir. Eu não, nunca quis derrubar ninguém aqui, não. Mas sempre mexiam comigo”, finalizou.

Rafael Carvalho
Formado em Jornalismo pela Faculdade das Américas (FAM), já apresentou programa de entretenimento relacionado ao mundo dos famosos e entrevistou artistas do meio.
Veja mais ›