Aguinaldo Silva rebate críticas sobre Império e rasga o verbo

publicidade

Aguinaldo Silva ficou revoltado com as críticas por causa da audiência de Império, atualmente reprisada na faixa das 21h da Globo. Sem papas na língua, o novelista soltou o verbo em suas redes sociais.

Silva usou seu perfil no Instagram para defender sua novela. Ele disse que Império é o programa de maior audiência da TV brasileira. Além disso, ele exaltou os profissionais envolvidos na trama e a qualidade de produção da Globo, emissora da qual foi dispensado no início de 2020.

publicidade

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“‘Império’ continua sendo o programa de maior audiência da televisão brasileira… Claro, graças ao elenco brilhante reunido na novela, a direção de alto nível e a produção esmeradíssima da Rede Globo, que mereceu o Emmy internacional de melhor novela produzida no mundo naquele ano”, disse.

“Quanto ao autor do texto, tudo que posso dizer a vocês sobre ele é que faz o possível para ver seus seguidores tranquilos e felizes, portanto, beijos a todos e um belo domingo!”, encerrou o novelista.

Não deixa de ser verdade a parte em que Aguinaldo Silva cita que Império é a maior audiência da TV. Mas a trama do comendador José Alfredo (Alexandre Nero) está deixando a desejar no ibope desde que voltou ao ar.

Até o momento, a reprise do folhetim acumula média parcial de 26,9 pontos. O número é bem abaixo de A Força do Querer, a última reapresentação do horário das nove. A novela de Glória Perez fechou com média geral de 29,9 pontos.

Aguinaldo Silva em situações diferentes

publicidade

No ano passado, o novelista viveu uma situação inversa. Primeira trama da onda de reprises de novelas da Globo por causa da pandemia, Fina Estampa fez sucesso. A história de Griselda (Lilia Cabral) conquistou média geral de 33,6 pontos.

Em abril, Aguinaldo Silva comentou sobre Império durante uma live e exaltou a novela. Na época, ele deu uma alfinetada em Manuela Dias, autora de Amor de Mãe, trama que antecedeu a reprise na faixa das nove.

publicidade

“Até a Cora [Marjorie Estiano/Drica Moraes], que é uma personagem sinistra, diz coisas tão terríveis que fica engraçado. O tom da narrativa, por mais intenso que seja, sempre tem um escape para o humor. Escrever uma novela pesada, tensa e com pessoas muito perversas atrapalha as pessoas que já estão em casa”, disse o novelista.

O que você achou? Siga @entreteoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Veja mais ›