Angélica esbanja corpo sarado em dia de sol e causa

Dona de um corpo em forma, Angélica surgiu aproveitando dia de sol e recebeu muitos elogios. A esposa de Luciano Huck esbanjou beleza e causou.

Em seu perfil no Instagram, a ex-apresentadora da Globo relembrou um momento de folga. Ela compartilhou uma foto renovando o bronzeado e apareceu no clique com óculos de sol na testa e uma peça de verão colorida.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“Gata jogada que queria estar pegando um solzinho aí.. mas está trabalhando! #tbt”, escreveu ela na legenda da imagem.

Angélica recebeu uma chuva de elogios. “Maravilhosa e bronzeada, muito gata”, declarou uma seguidor. “Sempre tão linda e iluminada”, afirmou outra. “Gata e gostosa”, disparou um internauta.

Angélica revela abusos

No final de março, Angélica revelou em conversa no canal Mina Bem Estar que já foi vítima de abuso sexual. De acordo com a loira, a situação ocorreu nos Estados Unidos ainda durante a adolescência.

“Como a maioria das mulheres, eu também vou contar uma história. Sofri uma violência sexual. Estava fazendo fotos, lançando o Vou de Taxi, tinha quinze ou dezesseis anos. Estava em Paris, ia participar de um festival, lá. Estava na rua. Vieram franceses perguntar quem eu era. ‘Brasileira?’. O fotógrafo falou: ‘Fiquem do lado dela para fotos’. Quando ele falou que somos do brasil, eles foram ficando perto de mim, se aproximando e se esfregando em mim”, relatou.

“Você fica sem reação. Um dos meninos ficou passando a mão na minha bunda, em mim inteira. Eu estava atrás de um taxi, e não fiz nada. Fiquei petrificada. Eles conversando entre si na língua deles, enquanto eu estava sendo violentada por três meninos que estavam passando a mão em mim. Eu não fiz nada. Nunca falei sobre isso. Eu não sabia que isso era uma violência”, afirmou ela.

Mãe de três filhos do casamento com Luciano Huck, Angélica confessou que fugiu do assunto por várias vezes. O motivo é que ela sempre enxergou a situação com desconforto.

“Eu sabia e não tive reação. Nunca falei isso, estou falando agora [pela primeira vez]. Depois parei e refleti, mas não falei porque… Já foi. Eles fizeram isso, saíram e eu continuei fazendo as minhas fotos. Com uma cara meio constrangida, mas ninguém percebeu. Esse tipo de violência é marcante. As pessoas estão cada vez mais falando e tendo coragem de revelar. A gente não fala mais só de violência sexual tipo estupro”, detalhou.

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

Vitor Peccoli
Publicitário, roteirista formado pela Casa Aguinaldo Silva de Artes. Escreve sobre TV e famosos desde 2013 | Contato: redacao@spinoff.com.br
Veja mais ›