Ariadna revela ajuda de Marquezine para se livrar de importunação

Ariadna Arantes, ex-participante do BBB 11, revelou aos seguidores em seu Instagram na última segunda-feira (24), que contou com a ajuda de Bruna Marquezine para se livrar de uma importunação durante o ‘Bloco de Carnaval da Anitta’, que aconteceu no fim de semana.

Na ocasião, a influenciadora disse que um homem mega inconveniente estava a encarando e a atriz chamou seu segurança para tirar o rapaz dali. De acordo com Ariadna, tudo aconteceu enquanto seu namorado estava no banheiro.

SELECIONAMOS PARA VOCÊ

“Passou um cara, que ficou olhando pra mim. Eu cumprimentei, disse ‘boa noite’. Ele começou a mudar a expressão, começou a me olhar com nojo. Eu perguntei ‘que foi?’, ele respondeu ‘nada, eu tô aqui passando e você veio falar comigo’”, comentou a ex-BBB.

Em seguida, Ariadna explicou que tentou sair da situação e foi nesse momento que Bruna Marquezine teve o gesto de ajudá-la.

“O cara passou a ser mega inconveniente, eu tentei sair daquela situação, olhei para o lado, olhei para ela [Bruna]. Ela percebeu um pouco do meu pânico e só fez assim [acenou] com a cabeça, veio um segurança, acho que era o segurança dela, falou ‘para de importunar ela’ e tirou o cara de perto de mim”, relatou ela.

Depois disso, Ariadna Arantes demonstrou sua gratidão à atriz: “Ela falou ‘imagina, que isso’ e segurou na minha mão. Ela foi uma fofa, eu não esperava, a gente nunca espera, porque eu não conhecia. Aí você vê a sororidade, empatia, força feminina, ela tinha acabado de me conhecer, ela viu que eu estava sofrendo uma agressão e o segurança tirou o cara de perto de mim”, elogiou Ariadna.

Piadas transfóbicas

Na semana passada, Ariadna Arantes fez um desabafo em suas redes sociais relembrando algumas piadas transfóbicas que foram publicadas na capa do jornal carioca ‘Meia Hora’, em 2011.

“Quando alguém falar: Ariadna foi eliminada porque escondeu que era trans… olha o que faziam comigo na época! Apenas uma das milhares de capas de jornais que eu era humilhada”, escreveu a famosa ao postar a capa do jornal que dizia:  “Ariadna’s Coiffeur – Corto cabelo e pinto. Entrada pela frente e pelos fundos”. A capa ainda traz outras frases transfóbicas, como “Aí, colega, apara a franjinha e pica atrás, por favor”.

Diante da situação, a ex-BBB lamentou: “No dia que saiu essa capa de jornal, eu passei o dia chorando. Não quis fazer nada. Me senti um lixo. Me senti a menor pessoa desse mundo. Me questionei: o que fiz da minha vida? Ninguém mais vai me respeitar”, lamentou a influenciadora.

 

O que você achou? Siga @siteentrete no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui.

MAIS LIDAS

Henrique Souza
Mineiro, 26 anos, Graduado em Comunicação Social, Redator e Social Media.
Veja mais ›